• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Oi encerra operações de hedge que utilizavam derivativos

Economia

Oi encerra operações de hedge que utilizavam derivativos

Rio - Em função do processo de recuperação judicial e da expectativa de renegociação de dívidas, a Oi encerrou as operações de hedge que utilizavam derivativos (contratos de swap) para proteção contra riscos cambiais ao longo do trimestre, mostra relatório apresentado nesta quinta-feira, 15, pelos administradores judiciais.

O motivo foi que os passivos relacionados a essas proteções foram "congelados" como efeito do pedido de recuperação judicial, feito em 20 de junho.

"Esse fato, em conjunto com as variações no câmbio aplicadas às dívidas em moedas estrangeiras, ocasionou um aumento nos números reportados de disponibilidades em algumas das recuperandas que, dependendo dos movimentos futuros nessas taxas e de aspectos relacionados à própria renegociação das dívidas, pode não se repetir no futuro", dizem a PricewaterhouseCoopers (PwC) e o escritório de advocacia Arnoldo Wald.

Além disso, foi observado um passivo de R$ 104,7 milhões, relativo à liquidação desse tipo de operação junto a uma instituição financeira, remanescente. Uma das cláusulas desse contrato garantia vencimento antecipado em caso de recuperação judicial.

"Visto que o fato gerador do vencimento antecipado foi a Recuperação Judicial, os assessores jurídicos da Oi entenderam que o valor deveria compor a lista de credores", aponta. (Mariana Sallowicz)