Atividade em agosto ficou aquém do esperado pelo BC, aponta ata

Economia

Atividade em agosto ficou aquém do esperado pelo BC, aponta ata

Redação Folha Vitória

Brasília - Os indicadores de atividade relativos a agosto vieram abaixo do esperado pelo Banco Central, mas os membros do Comitê de Política Monetária reconhecem que é comum que dados econômicos apresentem oscilação maior em processos de estabilização como o vivido atualmente pela economia brasileira. Diante desse cenário, o Copom reafirmou que prevê a retomada gradual da atividade.

"À luz das estatísticas mais recentes, (os membros do Comitê) concordaram que os indicadores referentes a agosto situaram-se abaixo do esperado", cita o parágrafo 13 do documento conhecido há pouco. Apesar dessa frustração de curtíssimo prazo em agosto, os membros do BC não demonstram muita preocupação. "Entretanto, ponderaram que oscilações dessa natureza tendem a ocorrer no momento de estabilização".

Um dos argumentos do Copom é que essas oscilações costumam ocorrer em momentos como o atual do Brasil. "Após processo de retração da atividade econômica como o observado nos últimos dois anos, é provável que o processo de estabilização envolva flutuações relevantes nesse estágio do ciclo econômico".

Apesar dessa oscilação, o Copom reafirmou "que a evidência disponível é compatível com estabilização recente da economia brasileira e possível retomada gradual da atividade econômica".