Economia

Mais de 120 mil capixabas vivem exclusivamente com renda de microempresa, diz pesquisa

O levantamento, denominado 'Perfil do MEI', aponta também que 28% desses microempreendedores trabalhavam na informalidade antes de abrirem o próprio negócio

Foto: Divulgação/Pexel

Uma pesquisa realizada pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) aponta que 126.222 empreendedores capixabas têm o negócio como única fonte de renda. O número representa 79% do total de microempreendedores individuais. 

O levantamento, denominado 'Perfil do MEI', aponta também que 28% desses microempreendedores (44.737 pessoas) trabalhavam na informalidade antes de abrirem o próprio negócio. Segundo a pesquisa, 40% dos 'MEI's' exerce suas atividades profissionais em casa e 54% estava empregado com carteira assinada antes de se formalizar.

Os resultados da pesquisa revelam ainda que 69% dos MEIs acreditam que vendem mais a partir da formalização. Segundo a analista do Sebrae, Renata Braga, essa formalização já retirou da informalidade mais de dois milhões de empreendedores. “É um universo bastante significativo de pessoas que ganharam acesso a crédito e benefícios previdenciários. Mais até do que isso. Ganharam autoestima enquanto empresários e geradores de renda”, disse.

Pontos moeda