• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Consumidores conseguem reduzir até 99% da dívida no mutirão em Cachoeiro

Economia

Consumidores conseguem reduzir até 99% da dívida no mutirão em Cachoeiro

O evento será encerrado nesta sexta-feira (8), e em dois dias foram realizados quase mil atendimentos. Ao todo, 14 empresas participam do mutirão

Foto: Márcia Leal/PMCI

O mutirão de negociação de dívidas promovido pelo Procon de Cachoeiro de Itapemirim, será encerrado nesta sexta-feira (8), e realizou quase mil atendimentos em dois dias. O evento segue até às 16h, em uma tenda montada na Praça Jerônimo Monteiro, e conta com a participação de 14 empresas.

No primeiro dia de mutirão, foram realizados 454 atendimentos. O número foi superado na última quinta-feira (7), segundo dia, com 542 atendimentos. Muitas pessoas também aproveitaram o evento para consultar os cadastros do SPC e do Serasa: 600 atendimentos foram realizados pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).

A dona de casa Josete da Silva Vicente aproveitou a oportunidade e, na última quinta-feira (7), conseguiu diminuir consideravelmente duas dívidas. Uma delas, de R$ 9.975,00, caiu para apenas R$ 29,00. A outra, que era de R$ 6.515,00, foi reduzida para R$ 26,00.

“Estava querendo acertar minhas dívidas há muito tempo, mas não tinha dinheiro nem oportunidade. Esse mutirão veio na hora certa. Estou muito aliviada”, conta.

O coordenador do Procon de Cachoeiro, Rogério Athayde, convida quem precisa quitar dívidas com as empresas participantes a aproveitar o último dia do mutirão. “Está sendo um sucesso. Os consumidores estão conseguindo condições muito favoráveis para pagamentos dos seus débitos. Os descontos chegam a 99%. É uma oportunidade imperdível de voltar a ter o nome limpo”, ressalta.

As empresas participantes do mutirão são: Vivo, Oi, Claro, Banestes, Caixa Econômica Federal, Crefisa, Bandes, Avista, Itaú/ Unibanco, Dacasa, Bradesco, BRK e Unimed.

Cada empresa disponibiliza, por dia, uma média de 35 senhas. Para o atendimento, que é gratuito, o titular da dívida deve apresentar Carteira de Identidade, CPF e documentos que comprovem o débito.