• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

China quer que EUA permitam que país tenha status de economia de mercado na OMC

Economia

China quer que EUA permitam que país tenha status de economia de mercado na OMC

Pequim - O governo chinês criticou nesta sexta-feira a oposição dos Estados Unidos a que o país asiático receba o status de economia de mercado na Organização Mundial de Comércio (OMC). Para Pequim, a atitude americana é um resquício da Guerra Fria.

Um documento dos EUA divulgado na quinta-feira em Genebra apoia a União Europeia para se opor ao status de economia de mercado da China, o que dificultaria a vitória em processos por dumping contra Pequim por exportar produtos a preços excessivamente baixos.

Porta-voz da chancelaria chinesa, Geng Shuang pediu que outros governos atuem para evitar o que Pequim disse ser um compromisso de impedir que a China não seja tratada como uma economia de mercado. "A chamada economia que não é de mercado não existe nas regras de comércio multilaterais da OMC", afirmou o porta-voz. "Isso é apenas uma reminiscência das leis domésticas de certos membros da OMC na era da Guerra Fria."

Os EUA concordaram com a Europa em um processo contra a China, que queria automaticamente o status de economia de mercado no 15º aniversário de sua entrada em 2002 da OMC. Washington, a União Europeia, o Japão e outros governos dizem que isso depende de Pequim levar adiante mudanças para abrir mais seus mercados.

Autoridades chinesas também pressionaram sobre o tema durante reunião com o ministro da Economia da França, Bruno Le Maire. Vice-ministro das Finanças chinês, Shi Yaobin criticou a posição da UE contra a concessão do status de economia de mercado para o país. Fonte: Associated Press.