José Luiz Dantas: “Tudo o que é difícil acaba sendo a motivação maior para liderar”

PRÊMIO LÍDER EMPRESARIAL

Economia

José Luiz Dantas: “Tudo o que é difícil acaba sendo a motivação maior para liderar”

Ele é CEO da UVV-ES e diretor responsável pela Rádio Cidade 97,7 FM e pela UVV TV, canal 31 D (TV aberta, retransmissora da TV Futura no Espírito Santo)

Foto: Divulgação

José Luiz Dantas é administrador, especialista em Marketing, com MBA em Negócios Internacionais e mestre em Gestão Universitária. Tem 58 anos, é CEO da UVV-ES e diretor responsável pela Rádio Cidade 97,7 FM e pela UVV TV, canal 31 D (TV aberta, retransmissora da TV Futura no Espírito Santo).

Giselle Madeira representando o líder José Luiz Dantas

A UVV-ES segue liderando o ensino superior capixaba com projetos nacionais de expansão e consagrando sua fórmula de excelência em ensino superior como a melhor universidade particular do Brasil, segundo avaliação de performance do MEC, alcançada na última edição do Enade. Por conta de sua presença cada vez mais consolidada no EAD, a UVV abriu super polos em Linhares, Aracruz, São Mateus e Serra. Além disso, inaugura em 2021 uma nova unidade educacional premium, em Vitória, o UVV High Line.

Qual é o seu conceito de liderança?

Orientar o grupo com determinação, em metas bem definidas, realizando objetivos comuns em colaboração e cooperação, operando etapas em aspirações positivas. É respirar inovação e trabalhar a vanguarda de posicionamentos no mercado, inspirando todos com atuação e dedicação diferenciadas, apoiando o time com segurança e ousadia. Vencer é um processo coletivo e se destacar é consequência disso.

Por que você foi considerado líder no seu segmento?

Ver esforços empreendidos na vida profissional reconhecidos é mais gratificante quando multiplicamos amigos e oportunidades. Eu vivo intensamente tudo o que faço, compartilho tarefas e trabalho com alegria e vejo felicidade em coisas simples, considerando colaboradores como pessoas importantes, respeitando-os, capacitando-os, apoiando-os, valorizando-os e me apresentando disponível nos momentos necessários, colocando energia pessoal, paixão e foco nos objetivos coletivos, muita atenção nas questões individuais e humanidade nas minhas relações.

Quais são os pilares de uma liderança de sucesso?

Planejamento, estratégia, trabalho, dedicação, determinação e obstinação, junto com comprometimento, bons exemplos, carisma, leveza, intensidade e humanidade.

Quais são os maiores desafios e conquistas de ser líder?

A responsabilidade de liderar equipes na ultrapassagem de percalços e obstáculos, mantendo-as motivadas e coesas em consagrar objetivos, superar expectativas e bater metas com excelência é a razão principal que me move. Nada é fácil e/ou tranquilo. Sair da zona de conforto não é tarefa simples, mas tudo o que é difícil acaba sendo a motivação maior para liderar, vencer e quebrar paradigmas. Ser reconhecido, respeitado e seguido, independentemente de extraordinárias vitórias e recompensas financeiras, é o melhor de tudo.

Como motivar pessoas e alinhar os propósitos dos colaboradores com os da empresa?

Trabalhando juntos, considerando as opiniões de todos da equipe e reposicionando os objetivos em conformidade com as dinâmicas do mercado e do momento. Recalibrar as ações e reposicionar as atuações, vislumbrando novos horizontes antes da concorrência e das demandas futuras nos permite preparar as ofertas para os novos consumos. Ver cenários com clarividência, transparência e racionalidade, antenado ao que não está explícito e se antecipando aos movimentos do mundo. A pandemia deixa marcas imprescindíveis para nos alertar sobre influência de fatores externos.

Em que momento e circunstância o líder não pode errar?

Nos momentos de crises agudas e nas situações complexas que fugiram a quaisquer planejamentos reais, por influências como os casos de saúde pública. Por quê? Por prudência, inteligência emocional, equilíbrio e capacidade de inovar, se reinventar, de compreender as situações de buscar soluções criativas, atemporais e inovadoras, como a tecnologia telepresencial, que integrei à relação ensino-aprendizagem e a processos de difusão de conhecimentos nas rotinas do dia a dia da UVV-ES, de forma inédita e a nível de Brasil. Hoje, ela é seguida, copiada e disseminada nas principais instituições de ensino do Brasil, com meu aval e liberação de direitos autorais. As grandes ideias merecem ser compartilhadas para benefício coletivo da sociedade, e sou feliz e lisonjeado por assim fazer.

Que comportamentos e atitudes caracterizam o líder do futuro?

Observar mercados globais e vislumbrar as oportunidades, sempre considerando que obstáculos e barreiras serão menores e que a customização para a realidade local é um desafio motivacional enriquecedor para empreendermos com planejamento, objetividade e ousadia. Vanguarda é assumir riscos, mas é também surpreendentemente encorajadora e rejuvenescedora, é adrenalina para mente, corpo e alma. Vitórias, sucesso e boas estratégias serão os componentes mais importantes nesta jornada, porém vivenciar experiências novas, assimilar conhecimentos diferentes, vivenciar correções de rumos, para abrirmos novos caminhos e empreender o extraordinário, faz toda a diferença e certamente é igualmente prazeroso e definitivo.