Ossobuco com angu de milho verde

A receita de hoje é com uma carne que nem sempre está na nossa mesa, mas que é muito saborosa e tem preço bom. O quilo do ossobuco custa em média R$15,00.

O processo demora um pouquinho, mas fica muito saboroso! A carne macia acompanha muito bem com o angu de milho. Faça em casa e aproveite essa delícia!!

bju, Ju

 

Ingredientes do Ossobuco:

1 kg de Ossobuco
3 cebolas
3 tomates (ou ½ xíc de extrato de tomate)
1 cenoura
1 alho poró
1 salsão
2 dentes de alho
2 colheres de azeite
4 colheres de trigo
1 ramo de tomilho
1 xíc de tomate cereja
240 ml de vinho tinto seco
240 ml de caldo de carne
300 ml de água
pimenta do reino
sal
páprica doce

Modo de preparo:

Em uma panela coloque o azeite, acrescente a cebola, o alho poró, o salsão, a cenoura, o tomate, o tomilho e deixe dourar um pouco. Depois, acrescente o osobuco (temperado com pimenta do reino, sal com alho e pápicra). Deixe dourar. Por cima do ossobuco polvilhe o trigo e deixe dourar mais um pouco. Agora coloque o vinho tinto e deixe evaporar um pouco o álcool. Acrescente o caldo de carne e a água até cozinhar por 2 horas (ou na panela de pressão por 40 min). Depois de cozido, retire o ossobuco e reserve.

Passe o caldo por um peneira e volte com o ossobuco e o caldo para a panela. Deixe reduzir até ficar um caldo grosso.

 

Ingredientes do Angu de milho:

7 espigas de milho verde
1 leite (obs: 240 ml para bater o milho e 500 ml para o angu)
1 xíc de fubá de milho
1 colher de manteiga
1 pitada de sal

Modo de preparo:

Retire o milho da espiga, bata no liquidificador com a metade do leite. Passe a mistura na peneira e reserve.

Faça uma solução com o fubá, 1 xícara de leite, sal e misture bem. Reserve.ra

Em uma panela coloque o milho que já foi batido, a solução de fubá e manteiga. Misture tudo, ligue o fogo baixo e deixe cozinhar de 20 à 30 min, mexendo sem parar. E está pronto!

Agora é só montar o prato. Coloque o angu e por cima o ossobuco. Jogue o caldinho por cima da carne e bom apetite!

 

Veja o preparo da receita no Fala ES:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *