Fãs defendem Aviões do Forró de investigação da PF

Aviões do Forró capa
Compartilhe esta notícia

Ontem a banda Aviões do Forró foi alvo de investigação da Polícia Federal sobre a suspeita sonegação de imposto e ocultação de bens. Até os vocalistas Xand e Solange foram levados para depor.

A Polícia Federal e a Receita Federal deflagram na manhã de ontem a Operação For All, que tem como missão investigar supostos casos de sonegação de impostos e ocultação de bens por parte da empresa que controla a banda Aviões do Forró. Segundo o jornal O Estado de São Paulo, 32 mandados de condução coercitiva e 44 de busca e apreensão estão sendo cumpridos, além da quebra do sigilo bancário de todos os integrantes da empresa, incluindo os cantores, Solange Almeida e José Alexandre. A reportagem aponta também que a empresa está sendo investigada por falsidade ideológica, lavagem de capitais e associação criminosa. As investigações apontam que o grupo estaria fornecendo dados falsos ou omitindo informações relevantes em suas declarações de Imposto de Renda.

Aviões do Forró

A investigação revela que essas empresas que patrocinam as bandas subfaturavam contratos, registrando valores correspondentes a 25% e até 30% do que era de fato acertado. De acordo com a PF o valor total sonegado pode chegar a R$500 milhões. Diante da proporção que a situação tomou, o grupo publicou uma nota de esclarecimento em suas redes sociais garantindo que estão colaborando com a Polícia nas investigações e se colocam a disposição para mais esclarecimentos. Até ai, tudo bem. A surpresa foi o apoio dos fãs à banda. Poucos comentaram que se incomodavam com o possível deslize dos artistas. Até um meme foi criado em apoio aos cantores que enfrentam investigação. Fã é fã, né…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *