Entenda por que Padre Fábio de Melo é o queridinho dos famosos

padre fabio de melo

Padre Fabio de Melo, entenda os motivos para que o sacerdote mais zueiro do Brasil seja o queridinho dos famosos.

Qualidades como simpatia, bom-humor e generosidade tornam o Padre Fábio de Melo destaque no cenário nacional. Mas não são apenas esses atributos que fazem o sacerdote ser famoso nas redes sociais, o comportamento do religioso o tornou queridinho dos artistas.

Uma das coisas que faz com que Padre Fabio de Melo seja o queridinho dos famosos, sem dúvida, são as trolagens feitas através do Instagram. O cantor Lucas Lucco sabe bem disso… No ano passado, os dois fizeram uma brincadeira para desejar feliz aniversário um ao outro e divertiram o público. Lucas Lucco fez uma ‘homenagem’ para o Padre Fabio de Melo no dia 3 de abril, quando ele completou 46 anos de vida. “Sei que você não gosta de aniversário. Então, não tô postando essa foto pra dar os parabéns… postei pra dizer que não adiantou forçar o braço pra tentar ficar mais forte que eu na foto, porque eu cortei um pedaço do seu e deixei o meu inteiro e pleno”, brincou o cantor. Para se ‘vingar’, no dia seguinte, 4 de abril, quando Lucas completou 26 anos, o padre postou a mesma foto, mas dessa vez exibindo seu braço. “Hoje, dia do seu aniversário, quem ficou cortado na foto foi você”, retrucou.

Padre Fabio de Melo

Também em 2017, após o grande sucesso de Evaristo Costa nas redes sociais, Padre Fabio de Melo entrou na ‘onda’ dos internautas, que estavam fazendo totens do jornalista, e questionou: “Tem alguma versão folclórica que possa ser usada em festas juninas, por exemplo? Ah, aproveitando o ensejo, terá versão natalina?”, disse o sacerdote, com bom humor.

Fabio de Melo, assim como outros padres, encontrou na música uma forma de espalhar a palavra de Deus. O cantor já protagonizou duetos com grandes nomes da música brasileira como Nana Caymmi, Zeca Pagodinho, Fafá de Belém, Elba Ramalho, Fagner e Alcione.

Não é só no Instagram que Padre Fabio de Melo ‘dá as caras’, ele também é muito ativo no Twitter. Um tweet seu que ficou famoso foi direcionado a ninguém menos que Nando Reis. “All Star é uma das músicas que mais gosto. Mas tem um fato que nunca entendi. No refrão o Nando Reis sabe que ela mora em Laranjeiras, no andar 12 do prédio, mas na segunda estrofe ele fala que não tem o endereço dela.”, disse o sacerdote, que foi surpreendido com a resposta do autor da canção. “Oi, Padre! Eu sabia chegar na casa da Cássia (em Laranjeiras, no Rio) apenas de táxi. Identificando seu prédio, entrava e subia até o 12º andar. No entanto, um dia querendo mandar uma carta pelo correio me dei conta que não sabia o número do prédio nem o do seu apto”, explicou ele.

Mas nem só de zueira vive o padre, assunto sérios também são colocadas em pauta para melhor compreensão da sociedade: “A união civil entre pessoas do mesmo sexo não é uma questão religiosa. Portanto, cabe ao Estado decidir. O Estado decide através dos que são democraticamente eleitos por nós. São eles que propõem, votam e aprovam as leis. Aos líderes religiosos reserva-se o direito de estabelecerem suas regras e ensiná-las aos seus fiéis. E isto o Estado também garante. Se sou cristão católico, devo observar o que prescreve a minha Igreja. Lembrando que o cristianismo é uma Lei inscrita na consciência. As igrejas não podem, por respeito ao direito de cidadania, privar as pessoas, que não optaram por uma pertença religiosa, de regularizarem suas necessidades civis. Se duas pessoas estabeleceram uma parceria, e querem proteger seus direitos, o Estado precisa dar o suporte legal. São situações que não nos competem. A questão só nos tocaria se viessem nos pedir o reconhecimento religioso e sacramental da união. Portanto, vale a regra de Jesus: “Dai, pois, a César o que é de César, e a Deus o que é de Deus!” Mc 12, 17.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *