• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Chegou O Que Faltava não se cala, contorna problema em som e brilha na avenida com presença de David Brazil

Entretenimento

Chegou O Que Faltava não se cala, contorna problema em som e brilha na avenida com presença de David Brazil

O samba-enredo era cantado pelos intérpretes quando o som foi interrompido. O problema técnico durou cerca de 40 minutos

David Brazil desfilou pela escola Foto: Fabio Machado

Segunda escola de samba a entrar na avenida, Chegou o Que Faltava fez um convite aos foliões: um mergulho pelas águas do universo. Um problema logo no início do desfile atrasou a passagem da escola pela avenida. De acordo com os componentes, o gerador do Sambão do Povo apresentou problemas técnicos e impediu o funcionamento do equipamento de som por mais de 40 minutos. Os integrantes da escola não se abateram e cantaram o samba-enredo à capela junto aos intérpretes. Da arquibancada, o público aplaudiu!

Confira a galeria de fotos do desfile da Chegou o que Faltava!

Parte da escola já estava na avenida e permaneceu até o retorno do áudio. Para o intérprete Vladimir Salles, a situação gerou transtornos para a escola. "Infelizmente a gente se prepara e se concentra, chega no momento em que estamos a mil por hora e acontece isso aí. Prejudica muito a escola! Já está com a cabeça focada, acontece isso. A partir do momento que a gente cantar o samba novamente, vai arrepiar", contou.

Assim que o samba voltou a ecoar pelo sambódromo, a escola foi ao delírio e reforçou a letra do samba-enredo. 

Protagonista da história, a água esteve presente nos três carros alegóricos, alas e fantasias. Tons de azul, cavalos-marinhos, sereias, conchas e deuses do mar ilustraram a narrativa da escola. Rainha do mar, Iemanjá foi homenageada no segundo carro alegórico. Sagrado, elemental e místico foram as apostas da agremiação para a noite.

Mas o destaque do desfile aparece no último carro alegórico. Muso da escola, David Brazil sambou, encantou e levou o público ao delírio ao desfilar como destaque de chão. Em entrevista ao jornal online Folha Vitória, ele agradeceu o carinho do público capixaba. "Só carinho e respeito. Chegou o Que Faltava mesmo! Está tudo lindo, samba maravilhoso. E já falei: ano que vem, Viviane Araújo volta comigo", brincou.

Samba enredo
Na fonte do samba, vou me banhar
Chuê, chuê, chuá, chuá
Chegou o que Faltava de tantos carnavais
Essa fonte não seca jamais
 
Mergulhei
Em belas águas pra buscar inspiração
É cristalina, obra divina
A força da transformação
O doce cantar da sereia
Revela mistérios
Perdidos no tempo
Lendas e a fúria de mares
As tempestades, mitologia
Refletem a beleza em seu encanto
Calmaria e acalanto
Nascente de magia
 
Regenera, traz purificação
Lava minh´alma e meu coração
Água de cheiro, banho de fé
Dos orixás, o axé.
 
Um horizonte singro a desbravar
As ondas do mar que guardam riquezas
Nas águas da renovação
O homem em comunhão com a natureza
Vou me banhar em lagos, cachoeiras e cascatas
O rio deslizando entre as matas
Desagua um oceano de fascinação
Ouça o nosso grito de alerta
O mundo não espera, vamos preservar!
Meus filhos dessas águas vão provar!

Leia Também

Prefeito abre oficialmente o Carnaval de Vitória 2017 e garante segurança
Sinal verde: Independentes de São Torquato abre desfiles de escolas de samba de Vitória
Rede Vitória recebe convidados em camarote com DJs e decoração temática