• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Folha Vitória transmite apuração do Carnaval Capixaba AO VIVO nesta quarta-feira

Entretenimento

Folha Vitória transmite apuração do Carnaval Capixaba AO VIVO nesta quarta-feira

Ao todo, 27 jurados apuraram cada detalhe e avaliaram o desempenho das agremiações na avenida. As notas vão de nove a dez, com a variação de uma casa decimal

Os foliões poderão saber nesta quarta a grande campeão! Foto: Fabio Machado

O Jornal Online Folha Vitória transmite ao vivo, direto do  Ginásio do Álvares Cabral, em Vitória, a apuração que vai definir as campeãs do Carnaval 2017. O evento acontece nesta quarta-feira (22), às 15 horas. Ao todo, 27 jurados apuraram cada detalhe e avaliaram o desempenho das agremiações na avenida. As notas vão de nove a dez, com a variação de uma casa decimal. 

Você vai acompanhar a transmissão da companhia de Miguel Filho com comentários de Gustavo Fernando, que juntos acompanharam cada detalhe do Folia Vitória. A transmissão acontece no site do Jornal Online Folha Vitória e também direto pelo Facebook, não perca!

Penalidades e Rebaixamento

As Comissões de Carnaval fizeram o acompanhamento dessa e de outras etapas do desfile para verificar possíveis irregularidades ou penalidades. A avaliação também contou com uma Comissão de Concentração, composta por 12 membros, uma de Verificação das Obrigações Regulamentares, com cinco membros, outra de Cronometragem, também com cinco integrantes, e uma de Dispersão, com 12 membros.

De acordo com o regulamento, as escolas de samba do Grupo Especial que ficarem classificadas do 1º ao 5º lugar, além da agremiação que ficar em 1º lugar no Grupo A, desfilarão no sábado do Carnaval 2018. A escola que for classificada, em 6º lugar, será rebaixada para o Grupo A e desfilará na sexta-feira.

As escolas de samba que ficarem colocadas do 2º ao 8º lugar permanecerão no Grupo A e desfilarão na sexta-feira no Carnaval 2018. Aquela que ficar classificada em 8º lugar por dois anos consecutivos abrirá o desfile do Grupo A no ano seguinte, e ainda perderá 10% de sua receita junto à Lieses.

Confira como foram os desfiles do Grupo A (Sexta-Feira)

São Torquato

Chegou o que Faltava

Rosas de Ouro

Chega Mais

Andaraí

Tradição Serrana

Imperatriz do Forte

Barreiros

 

Confira como foram os desfiles do Grupo Especial (Sábado)

Novo Império

Unidos de Jucutuquara

Mocidade Unida da Glória (MUG)

Pega no Samba

Unidos da Piedade

Boa Vista

Confira o critério de avaliação de cada quesito

 

Bateria: é levado em consideração o entrosamento dos naipes, cada qual com sua afinação, fazendo com que sejam ouvidos perfeitamente todos eles.

Samba-enredo: são avaliadas a letra e a melodia, respeitando-se a licença poética. O samba-enredo poderá ser descritivo ou interpretativo.

Harmonia: serão observadas a intensidade, vigor, empolgação e o perfeito entrosamento entre o ritmo da bateria e o canto dos componentes da Escola. 

Evolução: serão observados os movimentos, o jogo de ir e vir, a espontaneidade e a leveza da expressão corporal. É considerada a livre movimentação dos componentes dentro das suas respectivas alas. Pesam características próprias de cada escola de samba.

Enredo: serão avaliadas a disposição das alas, o posicionamento de carros alegóricos e destaques.

Alegorias e adereços: o jurado deverá avaliar os pormenores e a adequação da fantasia dos destaques, das composições, bem como de todos aqueles que tiverem em cima de um carro alegórico.

Fantasias: julga-se neste quesito as fantasias completas (incluem-se os adereços de mão) apresentadas pelas escolas, bem como a qualidade de sua confecção e sua adequação ao Enredo proposto.

Comissão de frente: deverá ser considerado pelos jurados desse quesito o uso de adereços usados pelos componentes da Comissão de Frente.

Mestre-Sala e Porta-Bandeira: a Porta-Bandeira é a figura mais representativa de uma escola de samba e o Mestre-Sala é o guardião do pavilhão. O casal executa um bailado próprio no ritmo do samba (não devendo nunca sambar); fazem constantemente movimentos sincronizados e entendem-se a um simples olhar, nunca se comunicando verbalmente.