Entretenimento e Cultura

Crise na Abril afetou distribuição de mangás

Maior editora de mangás do Brasil, a JBC dependia da Total Publicações para a distribuições dos livros em bancas de jornal por todo o Brasil. A Total, porém, pertence ao Grupo Abril, que desde dezembro de 2018 está em recuperação judicial.

As negociações afetaram a distribuição de mangás e diretamente a editora JBC.

Segundo o gerente de conteúdo Cassius Medauar, os lançamentos já não estão sendo enviados para bancas, apenas para algumas selecionadas em São Paulo, que já operavam sem a Total antes do processo, e também para livrarias e lojas especializadas, vinculadas a um esquema de distribuição próprio da editora. Face à crise no varejo do mercado editorial que se arrasta desde o ano passado, a JBC também criou uma loja própria, a JaporamaStore, na Vila Mariana, em São Paulo.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Pontos moeda