Galvão Bueno narra jogadas épicas de 'capixaba' no League of Legends

Entretenimento

Galvão Bueno narra jogadas épicas de 'capixaba' no League of Legends

No programa Bem, Amigos!, do canal a cabo SportTV, Galvão desafiou Diego "Toboco", narrador de League of Legends, para um duelo de narradores.

Final do campeonato mundial de LoL 2016 Foto: Divulgação

Muitas pessoas estão descobrindo o E-sports e, com essa grande ascensão do cenário, nem mesmo o narrador de futebol Galvão Bueno ficou de fora. No programa "Bem, Amigos!", do canal a cabo SportTV, Galvão desafiou Diego "Toboco", narrador de League of Legends, para um duelo de narradores.

Galvão Bueno narrou duas jogadas famosas no cenário do "League of Legends" brasileiro, adaptando seus bordões no meio do jogo. Clique aqui para conferir a participação.

O jogador Micael “Micão”, atirador da organização INTZ nasceu em Minas Gerais, mas passou a infância em Vila Velha até se tornar jogador profissional do game.

A mãe do e-atleta, Thereza Rodigues, falou um pouco sobre como foi a experiência quando seu filho entrou no cenário.

Ela disse que nunca imaginou que o cenário de jogos eletrônicos poderia existir e crescer tanto, mas, apesar do preconceito social em relação ao E-Sport, já está acostumada com a ideia. Ela contou também que se diverte sendo abordada por fãs para tirar fotos. Thereza acredita que o E-sport seja um cenário promissor.

Conheça o jogo

League of Legends é um jogo criado em 2009 em que 10 jogadores (5 em cada time), jogando com um personagem diferente em três rotas, vão em direção à base inimiga. Cada rota é defendida por três torres e uma outra estrutura chamada "inibidor", enquanto o Nexus (objetivo do jogo) é protegido por outro par de torres. Ambos os lados do mapa têm uma "selva" grande, espaços que proporcionam jogadas de efeito poderosas. O rio central é o lar de dois monstros-chefe e do "Aronguejo", simpática criatura que dá benefícios à equipe que o derrota, tornando o jogo competitivo (e colaborativo). Hoje, League of Legends ou LOL,  utiliza estratégias e táticas que tenham chance de resultado maior com base nos números dos atletas e dos personagens escolhidos.

Mapa Summorner's Rift, onde são jogadas as principais partidas Foto: Divulgação

Competição

Com um ambiente competitivo de nível internacional, League of Legends tem campeonatos mundiais anualmente com prêmios que chegam até U$ 2,13 milhões. Mas não existem somente esses campeonatos. 

O Campeonato Brasileiro de League of Legends, ou como é mais conhecido CBLOL, é dividido em duas temporadas. Uma no primeiro semestre, que define o primeiro campeão que disputa a final regional, e a outra, que acontece no segundo semestre e define o segundo time da final regional. A segunda etapa ainda dá a chance de uma equipe nacional disputar o campeonato mundial. 

Com a Final Regional decidida, o time brasileiro vencedor – e também vencedor do CBLoL após os dois segmentos – vai disputar as classificatórias para o Mundial. Atualmente existe o Desafio Internacional, ou Wildcard, realizado entre equipes da América Latina, de onde sai um representante da região no Mundial.

INTZ evanta taça do CBLoL 2016 após vitória Foto: Divulgação

Nesta semana

O Circuito Desafiante mostrou a sua força. Pela primeira vez na história, os três times da 2ª divisão que disputaram o acesso subiram para a elite do League of Legends nacional e se credenciaram para o 2º Split do Campeonato Brasileiro (CBLoL) 2017.

Depois da classificação automática da equipe "T Show", que conquistou o Circuito Desafiante e substituiu o Remo Brave na 1ª divisão, INTZ Genesis e ProGaming e-Sports venceram suas Séries de Promoção contra equipes que ficaram nas últimas posições do 1º Split do CBLoL 2017.

O circuito desafiante, que é a segunda divisão do CBLOL e tem inscrições abertas e gratuitas, consiste em equipes batalhando nos torneios por pontuações na tabela de classificação. 

Os pontos ganhos nos torneios condizem com a posição final das equipes. Ao final do circuito, os três times com maior pontuação passam para a Série de Promoção, aonde batalharão contra as três piores equipes da 1ª Etapa do CBLoL para definir quem segue na 2ª Etapa.

Confira os últimos jogos:

Partida decisiva entre Progaming e Kabum

Partida decisiva entre INTZ Genesis e OPK