Meghan Markle gastou 261 mil reais para nova casa e pode quebrar outro protocolo real

Entretenimento

Meghan Markle gastou 261 mil reais para nova casa e pode quebrar outro protocolo real

O novo palácio terá cinco quartos e um estúdio de ioga, além de espaços exclusivos para convidados

Redação Folha Vitória
Foto: Reprodução / Instagram

Meghan Markle e príncipe Harry teriam gasto uma pequena fortuna para não ouvir o barulho dos aviões do aeroporto de Heathrow em Londres, na Inglaterra, passando por sua nova casa. Segundo informações do jornal espanhol 20 Minutos, o duque e a duquesa de Sussex deram quase 60 mil euros, cerca de 261 mil reais, em janelas anti-ruído, que contam com vidros triplos e isolamento acústico. Isso seria uma solução para espantar o barulho dos 14 voos a cada meia hora que acontecem no aeroporto.

A reforma da nova casa dos pombinhos, inclusive, irá custar 3,5 milhões de euros, aproximadamente 15 milhões de reais. O novo palácio terá cinco quartos e um estúdio de ioga, além de espaços exclusivos para convidados. Aparentemente, Meghan ainda vem participando de todos os processos ao lado dos construtores durante as reformas. Existe um plano, ainda, de uma unidade de energia diferente que fornecerá calor, água quente e eletricidade ao mesmo tempo, além de uma antena parabólica que será instalada fora da propriedade.

E se por um lado as coisas vão bem para a duquesa, por outro algumas situações permanecem difíceis. Uma amiga próxima de Meghan teria dito à revista britânica New! que a futura mamãe não quer ajuda para cuidar do primeiro filho - muito menos um time de babás disponibilizado pela família real. Essa atitude, inclusive, é considerada uma quebra ao protocolo da realeza britânica.

"Ela está determinada a não fazer as coisas de maneira convencional. Meghan já disse aos chefes do Palácio que ela e Harry querem ser pais ativos. Ela não quer um time de babás, algo inédito para uma nova mãe na casa real. Meghan sente que quer mostrar a outras mulheres que ela é independente e forte, quer se relacionar com novas mães que não têm o luxo de ter uma ajuda extra", disse.

Além disso, essa amiga deu detalhes sobre o parto da duquesa, que pretende fazer tudo da maneira mais natural possível.

"Meghan está focada em ter uma experiência totalmente natural e ela não está querendo nada que traga alívio à dor. Ela está praticando uma série de técnicas ioga que ajudam no parto e que se concentram principalmente em torno de padrões de respiração, além de usar o canto para superar a dor", comentou.

Na mesma entrevista, ainda é revelado que Meghan teria gasto 150 mil libras, aproximadamente 764 mil reais, em um novo berçário para a criança. Uau, hein?

Apelido maldoso

De acordo com a revista Tatler, os funcionários da família real estão chamando a duquesa de Sussex de Megain - uma mistura do nome de Meghan com a palavra migraine, que em inglês significa enxaqueca. Isso teria relação com o suposto temperamento difícil da esposa de Harry. Não se sabe se o príncipe tem conhecimento desse apelido, mas uma fonte contou que ele não gosta que falem mal da amada.

"Harry é um homem orgulhoso e sensível. Ele ficaria muito chateado com a ideia de pessoas criticando sua esposa. Ele é totalmente obcecado por ela", falou.