• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Nova masculinidade para novos tempos

Entretenimento

Nova masculinidade para novos tempos

- Foi por causa do mineral berilo que nasceu a peça O Quarto Estado da Água. A notícia de que cientistas encontraram moléculas de água aprisionadas dentro da rocha inspirou a montagem da Cia Pau D'arco a refletir sobre a fluidez da sexualidade masculina.

O espetáculo que estreia no sábado, 22, no Top Teatro, retrata a vida de três homens em diferentes épocas. "A água presa naquela rocha não era líquida, nem sólida nem gasosa. Essa forma desconhecida se juntou à nossa inquietação sobre o homem contemporâneo", explica a diretora Bia Szvat.

Na peça, os sujeitos fogem da agitação de uma festa de ano novo e vão para a cobertura. O encontro de Kiko Pissolato, Anderson di Rizzi e Herbert Richers Jr. desencadeia um mergulho nas memórias desses homens, que também podem ser um só. Os eventos relembrados passam pela descoberta da própria identidade, a partir da repressão a comportamentos não considerados masculinos. Embora a mulher seja vítima direta do machismo, a diretora afirma que o homem também fica preso nesses ditames. "O preconceito diz que o masculino não pode manifestar sensibilidade ou outras características consideradas femininas ou fracas. Esse tipo de consciência não funciona com todas as pessoas."

Em uma das cenas, dois garotos descobrem um o corpo do outro, se beijam e sofrem repreensão de um adulto. Para Pissolato, pai de um menino de dois anos, o desafio é perceber quando não se julgando ou reproduzindo machismo, ainda que seja sutil. "Fico pensando como coisas como piadas que podem ser tão perigosas hoje, mas que antes todo mundo achava normal." Di Rizzi afirma que o espetáculo quer explorar a sensibilidade que não se encaixa em um padrão. "A luta das mulheres transformou a sociedade e todos nós. Isso inspira um novo posicionamento, uma releitura sem medo da nossa própria condição."

O QUARTO ESTADO DA ÁGUA

Top Teatro. R. Rui Barbosa, 201. Tel.: 2309-4102. 6ª, 21h30; sáb., 21h; dom., 19h. R$ 50 / R$ 25.

Estreia, 22/04. Até 18/6.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.