• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Funkeira morre dias após fazer lipoescultura em clínica do Rio de Janeiro

Entretenimento

Funkeira morre dias após fazer lipoescultura em clínica do Rio de Janeiro

A amiga da MC contou que a funkeira ficou na casa dela após o procedimento e reclamou de fortes dores

Foto: RecordTV Rio

Uma funkeira morreu após passar por um procedimento cirúrgico em uma clínica de Vila Isabel, no Rio de Janeiro. Fernanda Rodrigues, de 44 anos, conhecida como MC Atrevida, fez uma lipoescultura no último dia 16. A declaração de óbito apontou morte por infecção de generalizada causada por inflamação na pele.

A amiga da MC contou que a funkeira ficou na casa dela após o procedimento e reclamou de fortes dores. Ao entrar em contato com a clínica, no entanto, uma responsável teria dito que a situação era "normal".

Dez dias depois, Fernanda foi levada ao hospital, mas não resistiu.  O corpo da vítima foi enterrado no Cemitério da Cacuia, na Ilha do Governador, nesta quarta-feira (29).

Procurada pela Record TV Rio, a clínica preferiu não se manifestar. O médico tem um registro inativo de ortopedia e outro ativo de ginecologia. O caso é investigado pela 37 ª DP (Ilha do Governador).

Com informações do Portal R7 e RecordTV Rio.