• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Morre astro da Brodway depois de 90 dias de batalha contra o novo coronavírus

CORONAVÍRUS

Entretenimento

Morre astro da Brodway depois de 90 dias de batalha contra o novo coronavírus

O ator premiado deixa esposa, Amanda Kloots, com quem se casou em setembro de 2017, e um filho de 1 ano, Elvis Eduardo

Foto: Reprodução / Instagram
Nick com a esposa Amanda

O astro da Broadway Nick Cordero morreu após uma batalha de um mês com o coronavírus . Ele tinha 41 anos. Cordero morreu na manhã de domingo (5) no Centro Médico Cedars-Sinai, em Los Angeles, onde ficou hospitalizado por mais de 90 dias.

O ator premiado deixa esposa, Amanda Kloots, com quem se casou em setembro de 2017, e um filho de 1 ano, Elvis Eduardo.

"Deus tem outro anjo no céu agora. Meu querido marido faleceu esta manhã. Ele estava cercado de amor por sua família, cantando e orando enquanto ele gentilmente deixava esta terra. ⠀ Meu coração está partido. Não consigo imaginar nossas vidas sem ele. Nick era uma luz tão brilhante. Ele era amigo de todos, adorava ouvir, ajudar e principalmente conversar. Ele era um ator e músico incrível. Ele amava sua família e amava ser pai e marido. Elvis e eu sentiremos sua falta em tudo o que fazemos todos os dias ", postou a mulher de Nick nas redes sociais.

No dia 31 de março, a esposa de Nick revelou que o ator estava internado com dificuldade para respirar, após ser diagnosticado com pneumonia.

“Dois testes COVID negativos. Os médicos estão convencidos, no entanto, de que é o COVID, então eles fizeram um terceiro teste ”, escreveu ela, acrescentando que o marido estava respondendo“ bem aos medicamentos para o COVID ”, contou ela.

Seu terceiro teste voltou positivo para o coronavírus .

Embora Cordero tenha adoecido no início de março, seus sintomas eram inicialmente intermitentes e não pareciam se alinhar com os freqüentemente associados ao COVID-19 . "

No entanto, no final de março, seus sintomas pioraram e Cordero começou a ter problemas para respirar. Depois de entrar na sala de emergência, Cordero disse à esposa que seria transferido para a UTI.

A saúde dele só se complicou e o ator teve de ter uma pernas amputada por conta de complicações causadas pelo coronavírus.

FONTE: Portal R7