Duda Reis oferece apoio para Pamella Holanda, ex-mulher de DJ Ivis: "Estamos todas aqui por você"

Entretenimento

Duda Reis oferece apoio para Pamella Holanda, ex-mulher de DJ Ivis: "Estamos todas aqui por você"

"Estamos com você! Você não está sozinha. Eles querem descredibilizar a vítima a todo custo. Lugar de homem agressor é na cadeia", disse Duda

Estadão Conteúdo

Redação Folha Vitória
Foto: Reprodução Instagram

Como você viu, na última sexta-feira (23), Pamella Holanda usou as redes sociais para falar sobre a repercussão do caso da violência doméstica que sofreu enquanto se relacionava com DJ Ivis. No vídeo publicado, a influenciadora chegou a dizer que não tem onde morar com a filha.

"Eu estou sem casa, estou sem onde morar. Estou na casa de familiares até consegui me reestabelecer. Minha filha está sendo muito bem cuidada pela minha irmã, está recebendo todo o amor do mundo. Só queria que isso não estivesse acontecendo com minha vida. Que espécie de ser humano seria eu se estivesse feliz, se me sentisse vingada por tudo o que ele já fez comigo e com a mel também? Desde o dia que ele saiu de casa, que a gente separou, ele passou uma semana, dez dias fora. Ele nunca me ligou, nunca perguntou como a filha dele estava, nunca demonstrou preocupação, ele só mandou um valor em dinheiro pelo motorista dele depois que a medida protetiva foi deferida. Pagou consulta na pediatra, vacina, tudo orientado pelos advogados dele, mas nenhum momento perguntou como estava a Mel".

Duda Reis, que registrou um boletim de ocorrência contra o ex-noivo, Nego do Borel, deixou um comentário na postagem, prestando seu apoio.

"Estamos com você! Você não está sozinha. Eles querem descredibilizar a vítima a todo custo. Lugar de homem agressor é na cadeia! Eles apelam em todos os momentos para tentar nos silenciar, mas todas as mulheres gritarão por você! Seremos resistência, todas juntas, Pam. Espero que ninguém precise passar pelo o que você passou e pelo o que é a realidade infelizmente de milhares de mulheres nesse país. Que possamos ser ouvidas e que a justiça seja sempre feita por todas nós! Quando uma mulher sai ferida, nenhuma outra fica bem. Força! Estamos todas aqui por você", escreveu.