• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Claudia Leitte diz que já fez revezamento de namorados

Entretenimento

Claudia Leitte diz que já fez revezamento de namorados

A loira, que é mãe de Davi e Rafael, ainda contou que o affair que estava viajando voltou dos Estados Unidos antes do tempo e encontrou ela durante um encontro

Claudia Leitte falou que fazia revezamento de namorados Foto: Reprodução/Instagram

Claudia Leitte falou sobre os relacionamentos do passado nesta terça-feira (2), durante a participação no programa Encontro, e confessou que já fez revezamento de namorados. Casada com Márcio Pedreira desde 2007 e mãe dos pequenos Davi, de sete anos, e Rafael, de quase quatro, a cantora comentou que atualmente não se imagina vivendo um romance desses novamente.

— Olha, não dá para eu me imaginar em uma situação assim jamais. Não tenho maturidade, mas já fiz um tal de revezamento e foi muito esquisito, não vou mentir.

A cantora ainda explicou como funcionaram os relacionamentos.

— Eu gostava de um, mas ele era meio safado, cachorro e sem vergonha. A gente desenvolveu um relacionamento conturbado, terminamos. E apareceu um outro perfeitinho que a mãe adorava, conquistava a avó e levava flores. Pensei que ele era a minha salvação, que não ia sofrer nunca mais, mas ele viajou. Fui passear com as minhas amigas e reencontrei o safado. Fiquei com ele. Depois, fui para internet e me relacionei com outro.

A loira ainda contou que o affair que estava viajando voltou dos Estados Unidos antes do tempo e encontrou ela durante um encontro.

— Eu falei: “Ele tem um irmão gêmeo, só pode ser um irmão”. Mas era ele. Ele sentou na mesa e ficou aquele triângulo. Parecia novela mexicana. Eu me tremi inteira. Depois ficamos todos amigos. Fiquei desesperada tentando parecer supertranquila.

Claudia Leitte confessou que demorou um bom tempo para se livrar da culpa que sentia por ter vivido um triângulo amoroso.

— Eu gostava de um ainda e pensava no outro, ele me trata tão bem. Me achei a pior pessoa do mundo. Foi coisa de menina, de adolescente mesmo. Aí você pede desculpa e vira amiga. Vivi muito tempo para me livrar disso. Como se tivesse feito uma coisa grave. Não era tão grave, não traí ninguém. Mais ou menos.

Com informações do Portal R7.