Em formato online, FestCine Pedra Azul exibirá 66 filmes a partir de amanhã

Entretenimento

Em formato online, FestCine Pedra Azul exibirá 66 filmes a partir de amanhã

Ao todo, serão exibidos 66 filmes, de 14 países, entre longas e curtas-metragens de diversos gêneros

Foto: Divulgação

A terceira edição do FestCine Pedra Azul terá início na próxima terça-feira (04) e vai até até o sábado (08). Em formato diferente por conta da pandemia do novo coronavírus, a programação será transmitida totalmente online, através do site do festival.

Ao todo, serão exibidos 66 filmes, de 14 países, entre longas e curtas-metragens de diversos gêneros. “Foi um grande desafio a realização desta edição do FestCine Pedra Azul. Tivemos que readaptar todo o evento para o formato online. Mas é gratificante reconhecer nosso poder de reinvenção e trazer uma programação incrível para os fãs do cinema”, comemora Marcoz Gomez, diretor do festival. 

“O FestCine Pedra Azul é mais um espaço potente para o fomento da produção audiovisual dentro do Espírito Santo. É um festival que nos dá a oportunidade de assistir um recorte cinematográfico do que está acontecendo no Brasil e em diversas partes do mundo” disse a diretora executiva do evento, Lucia Caus.

Homenagem

Um dos atores mais talentosos do cinema, teatro e televisão no Brasil, Marcos Caruso é o grande homenageado do 3º FestCine Pedrazul. A cerimônia acontece no dia 08 de agosto, às 20 horas, no site do festival. Como ator, já participou de 16 filmes, 26 novelas, 28 espetáculos de teatro, além de vários trabalhos como diretor, dramaturgo e roteirista.

Sua carreira teve início nos palcos, no ano de 1973, ainda na faculdade de Direito, com o espetáculo Rei Momo, do grupo Grupo União e Olho Vivo. Ao longo de mais de quatro décadas, Caruso construiu uma carreira sólida e de personagens marcantes no imaginário popular como o Leleco de Avenida Brasil; e o Alex, de Páginas da Vida, que rendeu inúmeras indicações e o Troféu Imprensa de Melhor Ator.

No cinema, depois da sua estreia na década de 1970 com o longa-metragem Viúvas Precisam de Consolo, de Ewerton de Castro, o ator só retornou para tela grande no ano de 2001, no filme Memórias Póstumas, de André Klotzel, adaptação do clássico de Machado de Assis, em que interpreta Quincas Borbas.

Depois deste trabalho, sua presença se tornou constante na sétima arte, onde atuou em outros 14 filmes. Seu trabalho mais recente, e ainda inédito, é Predestinado: Arigó e o Espírito do Dr. Fritz, filme de Gustavo Fernández, em que ele interpreta Padre Anselmo.

No teatro, foi vencedor dos prêmios mais importantes da categoria, como o Shell, Mambembe e Moliére, pelo seu trabalho como autor de Sua Excelência, o Candidato e Porca Miséria. Caruso também assina a comédia Trair e Coçar é Só Começar, que ficou 30 anos seguidos em cartaz, e entrou para o Guiness Book como a mais longa temporada ininterrupta do teatro nacional.

Programação

Para a edição de 2020, o festival recebeu 788 inscrições de 14 países: Alemanha, Brasil, Bulgária, China, Egito, Espanha, Estados Unidos, França, Hungria, Índia, Itália, México, Polônia e Taiwan. Na Mostra Brasil, os filmes estão divididos em Longa-Metragem; Curta-Metragem; Documentário; Animação; e Websérie. 

Na Mostra Internacional os trabalhos serão exibidos em Longa-Metragem; Curta-Metragem; Documentário e Animação. As produções concorrem ao Troféu Rota do Lagarto. 

Todas as exibições serão através do site oficial do FestCine Pedra Azul: www.festcinepedraazul.com.br. O 3º FestCine Pedra Azul é uma realização da Tower Filmes, em parceria com a Galpão Produções e Instituto Brasil de Cultura e Arte (IBCA), e conta com apoio institucional da Secretaria da Cultura (Secult).