Atriz revela que fez greve de fome para ser 'Angelicat' na infância

Entretenimento

Atriz revela que fez greve de fome para ser 'Angelicat' na infância

Em um bate papo descontraído, Juliana Silveira falou sobre cinco momentos importantes da sua vida. Um deles, foi torna-se Angelicat do 'Clube da Criança'

Juliana também falou sobre os três casamentos Foto: Reprodução/Instagram

Em entrevista à revista Quem, Juliana Silveira falou sobre cinco momentos importantes em sua vida. Descontraída, ela contou que fez greve de fome quando era adolescente para conseguir ser 'Angelicat'.

"Estava na plateia do Clube da Criança, com a Angélica (TV Manchete, 1990), quando ela me chamou para fazer um teste para ser Angelicat. Passei, mas meus pais não deixaram. Fiz greve de fome, fiquei um mês sem falar com meu pai. Até que ele me deu uma carta, que guardo até hoje, dizendo que a filha dele era do mundo. Comecei então a trabalhar com a Angélica aos 13 anos como assistente de palco. Morava em Santos e gravava em São Paulo. Aos 18, vim para o Rio".

A atriz também relembrou os casamentos.

"Em 2005 me casei em Las Vegas, de verdade, aos 19 anos (com o empresário Rodolfo Medina), mas me separei meses depois. Em seguida me casei com o ator Roger Gobeth, mas a relação não estava legal e rompemos em 2009. Conheci então o João Vergara (designer) em 2010 por intermédio de uma amiga: a irmã dele! Mas eu já estava de olho...".

Juliana também comentou sobre os cursos que iniciou na faculdade, mas não terminou.

"Minha primeira faculdade foi jornalismo, ainda em Santos. Mas fui chamada para a oficina de atores da TV Globo e parei. Estudei depois artes cênicas durante um período. Em seguida, mais um período de cinema. O único curso que fiz quatro períodos foi o de publicidade, o que mais gostei. Estou com vontade de estudar psicologia. Imagina, vou para a quinta opção!".

Um dos papéis mais importantes, na novela 'Floribella', a atriz conquistou após cantar uma música de Jairzinho e Simony.

"No teste para Floribella (novela da Band de 2005), tinha que cantar e eu achava que não ia conseguir. Acabei interpretando Coração de Papelão (sucesso de Jairzinho e Simony). Foi a única música que me veio à cabeça. E deu certo!".

Mãe do pequeno Bento, Juliana disse que sempre conversou com o filho durante a gravidez.

"Eu sempre conversei com o Bento (seu filho) desde a gravidez. Logo depois de ele nascer, uma amiga me viu falando com a barriga e me disse: ‘Ju, o bebê já está no berço (risos)’. Deve ser por isso que o Bento primeiro falou, depois andou. Ele tem 4 anos e é muito verbal. Tudo ele fala", explica