Jogador perde R$ 4,4 milhões ao sofrer golpe e acreditar ser namorado de Alessandra Ambrosio

Entretenimento

Jogador perde R$ 4,4 milhões ao sofrer golpe e acreditar ser namorado de Alessandra Ambrosio

Mulher afirmou que usava o nome Maya como pseudônimo, já que era uma das modelos mais famosas do mundo e queria preservar a identidade

Estadão Conteúdo

Redação Folha Vitória
Foto: Reprodução / Instagram

A modelo brasileira Alessandra Ambrósio teve seu nome envolvido em um golpe surpreendente. 

De acordo com o jornal italiano Il Fatto Quotidiano, o jogador de vôlei italiano Roberto Cazzaniga, de 42 anos, relatou em uma reportagem de um canal de TV da Itália, o TV Le Iene, que foi vítima de uma quadrilha que fez com que ele pensasse que era namorado virtual da brasileira. 

Cazzaniga perdeu cerca de 700 mil euros, aproximadamente R$ 4,4 milhões com o golpe.

A brasileira, atualmente, se relaciona com o modelo Richard Lee, com quem aparece com frequência nas redes sociais. A última postagem deles, aliás, foi feita na última quarta-feira (24), durante uma viagem ao Havaí.

Jogador de uma equipe da segunda divisão da liga de vôlei da Itália, Cazzaniga, contou que, em 2008, uma amiga dele chamada Manuela lhe passou o contato de uma mulher chamada Maya, que disse ter vontade de conhecê-lo.

A mulher, então, afirmou que usava o nome Maya como pseudônimo, já que era uma das modelos mais famosas do mundo e queria preservar sua identidade.

"Nós nunca nos conhecemos. Ela deu mil desculpas, como doença e trabalho. E ainda assim me apaixonei por aquela voz, uma chamada após a outra. Os contatos eram apenas pelo celular, quase que diariamente, teria dito ele."

A golpista começou a pedir dinheiro, no início, afirmando que o caixa eletrônico havia sido bloqueado por causa de um problema ligado a uma herança. Sobre eles não se encontrarem pessoalmente, a mulher afirmava que tinha uma rotina de trabalho intensa e que sofria de um problema cardíaco.

Os amigos de Cazzaniga que teriam descoberto o golpe e insistiram para que o caso fosse investigado.

Três pessoas estiveram envolvidas no esquema de extorquir dinheiro do rapaz. Uma mulher de 50 anos, que vive na Sardenha, e afirmava ser Alessandra Ambrosio. Manuela, até então amiga dele, que foi o responsável por passar o contato da então mulher chamada Maya, e o namorado de Manuela.