Gaúcho Gabriel Figueredo se prepara para se tornar um grande bailarino

Entretenimento

Gaúcho Gabriel Figueredo se prepara para se tornar um grande bailarino

Redação Folha Vitória

São Paulo - Gabriel Figueredo tem talento e carisma para um dia se tornar primeiro-bailarino de uma grande companhia. Natural de Taquara, no Rio Grande do Sul, o bailarino de 15 anos chegaria ao Brasil três dias antes da estreia da produção da Cisne Negro Cia. de Dança, na qual interpretará Fritz (irmão da menina Clara) e o Quebra-Nozes. É a terceira vez que participa da montagem. Desde janeiro de 2014, Gabriel está em Stuttgart, na Alemanha. Filho de uma artesã e um caminhoneiro, ganhou bolsa integral para estudar na John Cranko Schule.

Ele descobriu a arte ao ver as primas dançando. Começou o balé aos 10 anos. A partir daí, o menino "elástico" destacou-se rapidamente. Mudou-se com a mãe para São Paulo para estudar em uma escola maior. E, em 2013, ganhou o Youth America Grand Prix, em Nova York. Apesar de tantas conquistas, em tão pouco tempo, Gabriel sabe que precisa trabalhar duro se quiser ser uma estrela. "Sinto saudade da minha família, da minha casa, de tudo", diz. "Eu sabia que não iria ser fácil, mas é o que quero."

O bailarino se divide entre a escola regular e as aulas e ensaios na John Cranko, entre segunda e sábado. Gabriel deve permanecer lá até, pelo menos, completar 18 anos, quando se forma. Depois, espera ser contratado pelo Stuttgart Ballet ou por outra grande companhia. "Tenho determinação. Quero muito ser um grande bailarino." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.