• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Primeira sexta-feira 13 do ano será boa para abrir novos negócios, diz mago

Entretenimento

Primeira sexta-feira 13 do ano será boa para abrir novos negócios, diz mago

De acordo com o Mago Augusto de Summerview, este ano começou com combinações do número 13 e a semana será benéfica para mudanças radicais e novos negócios

A data será propícia para novas oportunidades Foto: Reprodução

O ano acabou de começar e já vai encarar a primeira sexta-feira 13, que acontece na próxima semana. Mas diferente do que a maioria pensa, essa data será propícia para novas oportunidades.

De acordo com o Mago Augusto de Summerview, este ano começou com combinações do número 13 e a semana será benéfica para mudanças radicais, principalmente no que diz respeito aos empreendimentos.

"Essa sexta-feira 13 combina com a carta morte, que está sob influência do ano. 2017 começou com as combinações e três sequências de 13. Será uma semana benéfica e, neste dia, vai ser a data de mudanças radicais, bruscamente. É um momento do trabalho criativo e as pessoas devem procurar fazer algum tipo de firmeza espiritual e pedindo prosperidade. Principalmente no sentido de negócios e empreendimentos. Um bom dia para abrir portas para os negócios", afirmou.

Um banho de rosas vermelhas pode reforçar a abertura de portas, como ressalta o Mago. "A melhor dica é se banhar com mel e rosas vermelhas. Uma média de sete rosas maceradas na água, de preferência água mineral. Um litro de água com rosas maceradas com sete colheres de mel de abelha. A pessoa deve se banhar às 6 horas, meio dia, 18 horas ou meia noite".

Já a segunda e última sexta-feira 13 do ano, que acontece em outubro, terá uma influência bem diferente. "Em outubro, a influência será política. Vai ser o tempo daqueles políticos que querem se dar bem, negociação com estrangeiros, mercado de trabalho e tratados", explicou.

Previsões para 2017

Temer pode deixar o cargo antes do fim do mandato Foto: Agência Brasil

O ano será masculino e tem como regente Saturno, responsável pelo destino e considerados um dos mais importantes, como apontou o Mago. Ainda segundo ele, vai ser um ano favorável para a agricultura e sustentabilidade.

No entanto, o Mago Augusto explica que a vida e morte estarão bem juntos e podem causar conflitos neste ano. "O ano é masculino e o planeta regente é Saturno, que rege destino e é considerado um dos mais importantes. Oxalá vai deixar um ano favorável para a agricultura. Mas ele vai estar com Nanã. Oxalá, Deus da vida, e Nanã, que é o anjo da morte e a deusa da chuva. A vida e a morte estarão juntos, mas a predominância é de Oxalá porque o ano é masculino. Haverá uma certa oposição, pois o que um faz, o outro leva. O mundo vai estar muito em conflito", explicou.

Para o Mago, a fome deve aumentar em todo mundo e o tema será amplamente debatido nas Organizações das Nações Unidas (ONU). "É uma tendencia que a fome aumente em todo mundo e acredito que a ONU vai estar preocupada com o equilíbrio econômico mundial e, em especial, da periferia. Acredito em mobilizações a nível de tentar resgatar a sustentabilidade e cuidar da classe pobre. Os conflitos internacionais políticos vão aumentar. Risco de uso de materiais químicos de alta potência, como bombardeios. Chegará a momentos em que as nações não vão se entender e os acordos não vão atender à necessidade da maioria".

Ele ainda afirma que é tempo de semear para colher bons frutos no futuro. "É um ano de semear, apesar de não ser muito bom. Plantar a semente! É como se tivesse tido muitos desgastes nos anos anteriores. Como se a pessoa tivesse tido uma colheita, mas não soube aproveitar, e agora é hora de semear a busca da esperança, fé, iniciativas e novas pessoas tem que entrar em lideranças", aponta.

Por fim, o Mago Augusto acredita que o presidente Michel Temer vai deixar o cargo antes do fim do mandato. "O Brasil em si não está em fase favorável, principalmente na política, onde já existe excesso de confusão. O Temer vai sair antes de terminar o mandato, até porque tudo está se direcionando para a queda dele".