Veja as cidades que cancelaram ou continuam com programação de carnaval no ES

Entretenimento

Veja as cidades que cancelaram ou continuam com programação de carnaval no ES

Apesar da crise na segurança pública do Espírito Santo, alguns municípios mantiveram a programação e o capixaba terá opções para cair na folia

Por motivos de segurança, vários dos principais carnavais do Espírito Santo foram cancelados. Mas ainda assim alguns municípios mantiveram a programação e o capixaba terá opções para cair na folia. Veja abaixo onde terá e não carnaval no Estado.

Anchieta

Carnaval de Anchieta Foto: Divulgação/Prefeitura

Quem sempre gostou de aproveitar o carnaval em Iriri, em Anchieta, este ano terá que procurar um novo local para curtir o samba. Isso porque, alegando preocupação a integridade dos moradores e turistas por conta da falta de segurança, a prefeitura do município cancelou a programação do Carnaval 2017. Confira abaixo a nota da prefeitura na íntegra:

"A Prefeitura de Anchieta, preocupada com a segurança e a integridade dos moradores e turistas por conta da falta de segurança instalada no Estado do Espírito Santo, resolve cancelar a programação do Carnaval 2017. Pedimos a compreensão de todos e esperamos a imediata resolução dessa crise que afeta a segurança das nossas famílias".

Carnaval em Piúma é cancelado Foto: Divulgação

Piúma

O tradicional carnaval de Piúma, no litoral Sul do Estado, não acontecerá neste ano. Na última quinta-feira (16), a Prefeitura do município publicou um comunicado nas redes sociais anunciando o cancelamento da programação por motivos de segurança.

De acordo com a publicação, a decisão foi tomada após uma reunião com a Promotoria de Justiça de Piúma, membros do Poder Executivo e da Polícia Militar do Estado. 

"Os presentes concluíram não restar alternativa a não ser o cancelamento da programação prevista para o carnaval da cidade.A medida tomada em comum acordo é em virtude da crise vivida pela segurança pública no Estado, o que inviabiliza a plena segurança de moradores e turistas durante o carnaval de 2017. A Prefeitura pede a compreensão de todos e afirma que a decisão é a mais prudente diante da situação ainda vivida no Estado do Espirito Santo", afirmou a prefeitura na nota. 

Colatina

Carnaval de Colatina Foto: Divulgação/Prefeitura

O desfile das escolas de samba do município de Colatina também foi cancelado, mas pode ser remarcado. Em reunião que aconteceu na última segunda-feira (13), com representantes das escolas de samba de Colatina e autoridades militares, o prefeito do município, Sérgio Meneguelli, optou por cancelar a programação.

De acordo com Meneguelli, a decisão foi tomada pensando na segurança da população da cidade. Segundo ele, assim que o policiamento voltar ao normal, uma reunião será realizada para que uma nova data seja definida.

Conceição da Barra

A prefeitura de Conceição da Barra resolveu adiar a decisão sobre a realização ou não do Carnaval 2017.  De acordo com a Defesa Civil do município, o parecer final só acontecerá no próximo domingo (20). 

"Apesar de todos os esforços que o Município vem fazendo, até o momento não tivermos a garantia do Estado para a realização do evento. Porém qualquer afirmativa que não seja a que estamos divulgando no momento, não será de responsabilidade do Município. Esperamos pela solução do impasse ente a PM e o Estado, para que possamos realizar mais um grande Carnaval em nossa cidade, como já é a tradição. Aguardem", publicou a Defesa Civil em uma rede social.

Carnaval de São Mateus Foto: Divulgação/Prefeitura

São Mateus

Sem dinheiro, a Prefeitura de São Mateus já havia anunciado que não teria condições de fazer uma programação especial para o carnaval deste ano. Porém, para não deixar moradores e turistas sem a folia, a prefeitura passou a organização dos eventos para a Associação dos Artesões Bartendes e Vendedores Ambulantes de São Mateus e Guriri (Abavam).

Nesta sexta-feira (17), representantes da prefeitura, policiais civis e a Abavam se reuniram para avaliar as possibilidades da realização do carnaval. Segundo o presidente da associação, Paulo César Oliveira Gama, a preocupação maior, a exemplo dos demais municípios, é a segurança pública. Uma nova reunião, desta vez com todas as autoridades do município e a Abavam, foi marcada para a próxima terça-feira (17), na qual haverá um posicionamento final sobre a programação.

Presidente Kennedy

Também alegando falta de segurança, a Prefeitura de Presidente Kennedy resolveu cancelar as programações previstas para o Carnaval 2017 nas praias do município. Por meio de nota a prefeitura pediu a compreensão de todos e aproveitou para convidar a população para conhecer os pontos turísticos da cidade.

Santa Leopoldina

O Carnaval de Rua em Santa Leopoldina a princípio estava mantido pela prefeitura do município. Porém, também devido a crise na segurança pública do Espírito Santo, por meio de comunicado, a prefeitura decidiu cancelar as atividades na tarde desta sexta-feira (17). Veja a nota da prefeitura abaixo:

"A Prefeitura Municipal de Santa Leopoldina informa que está oficialmente cancelado o Carnaval de Rua de 2017. A medida é necessária em razão da permanência do ambiente de insegurança, devido a crise na segurança pública do nosso Estado. Além disso, visa garantir a integridade dos leopoldinenses e visitantes, durante as comemorações. A Prefeitura Municipal de Santa Leopoldina reafirma o seu respeito as opiniões e agradece a compreensão de moradores e turistas".

Marataízes

Carnaval de Marataízes Foto: Divulgação/Prefeitura

Já a prefeitura de Marataízes manteve a programação de carnaval normalmente. Haverá programações nacionais e regionais, e a participação de de 20 Blocos de Rua puxando os foliões pelas avenidas do município.

Os blocos começam a se apresentar no sábado (25) até terça-feira (28), fazendo a festa dos moradores e turistas. A estimativa em cada bloco é de cerca de 400 participantes.

A Secretaria de Turismo esteve reunida na última terça-feira (14), no Palácio das Águias, com representantes dos blocos acertando os últimos detalhes do apoio que será ofertado pela municipalidade, sendo, infraestrutura, banda de fanfarra e segurança, por meio da Guarda Civil Municipal de Marataízes.

"Nosso objetivo é oferecer um carnaval voltado para as famílias, com shows de qualidade, muito agito e segurança. Reconhecemos o evento como uma importante expressão cultural que reúne moradores, visitantes ou turistas que escolhem o nosso balneário para aproveitar a temporada da folia", disse o prefeito Tininho Batista.

Confira a programação dos blocos:

Sábado (25)
:: Vaca Atolada - as 20h
:: 2ª Folia Running - as 17h
:: Laje da Preta - as 20h
:: Bloco do Oi - as 20h
:: Calçada da Fama - as 22h.

Domingo (26)
:: Bloco do Boi Bebum; Matinê da Balbina - as 17h30
:: Peroá da 12 - as 19h
:: Minha Vó Tá Maluca - as 20h
:: Bloco Balbina - as 21h
:: Bloco VVV - as 22h

Segunda-feira (27)
:: Bloco Pecado é Não Brincar - as 17h
:: Bloco do Titio - as 17h
:: Matinê da Balbina - as 17h30
:: Boi Olá - as 19h)
:: Bloco Unidos do Santa Teresa - as 20h
:: Bloco do Oi - as 20h 
:: Bloco Pé de Moleque - as 20h

Terça-feira (28)
:: Bote Fé - as 18h
:: Bloco das Piranhas - as 18h
:: Peroá das 12 - as 21h

Carnaval de Guarapari Foto: Divulgação/Prefeitura

Guarapari

A exemplo de Marataízes, Guarapari também segue com as programações de carnaval mantidas. Ao todo serão 8 blocos e 4 escolas de samba que desfilarão pela Avenida Joaquim da Silva Lima, no Centro.

O Carnaval 2017 em Guarapari tem início no sábado (25) com o famoso Bloco das Misses, a partir das 20h, seguido dos blocos Olaria 2000, Sururu, Funil e Papadéfus.

No dia 26, o bloco Rama abre a programação, às 21h30, seguido do bloco Amigos da Fonte. E após os blocos começam os desfiles das escolas de samba com a Imperatriz do Samba e Mocidade Alegre de Olaria.

Já no terceiro dia de carnaval, 27, a folia começa às 20h. O bloco Central vai para a avenida e em seguida os blocos Olaria 2000 e Funil animam o público. As escolas de samba Acadêmicos de JK e Juventude de Muquiçaba fecham a noite.

O último dia do carnaval tem o bloco Papinha (matinê infantil) a partir das 16h. Às 20h os blocos das Misses, Amigos da Fonte, Rama, Sururu e Papadéfus retornam à avenida para o encerramento do carnaval 2017.