Empresário tem ideia inovadora e vence em plena pandemia!

Edu Coutinho Colunista de Entretenimento

Desde o começo da pandemia , muito se fala sobre empreendedorismo e sobre como fazer e acontecer diante dela. Hoje, eu trago a história de Lailso Bautz, que abriu um negócio cheio de novidades. Posso dizer que é um point. Nele, você encontra tudo em um só lugar: moda, tatuagem, gastronomia e por aí vai.

A necessidade de um negócio próprio já vinha de algum tempo. Seu espírito de liderança e a experiência no varejo, à frente de uma franquia de relevância nacional, lhe deram o alicerce necessário para a nova empreitada.
Diante do cenário apresentado, Lailso conseguiu aliar todo o seu conhecimento com a demanda do público, em um só lugar.
Em um bate-papo com o jovem empreendedor, Lailso abriu o seu novo espaço e apresentou com exclusividade o point de Vitória. Venha conferir mais uma história de sucesso!

 

Lailso Bautz encara o desafio de empreender em seu novo negócio. A Burgan nasceu de um sonho, que agora é realidade. Foto: Divulgação


1- Como surgiu a ideia do negócio?

É um pensamento que me acompanha há muito tempo, que eu chamo de sonho. Tenho uma caminhada de 10 anos no comércio e no varejo. Sempre trabalhei com vestuário, mas também idealizei uma loja que pudesse complementar um nicho com o outro. Eu estava em outro projeto, com 90% de uma empresa de consultoria para gerentes e vendedores, quase pronta. Foi nesse momento que veio o ‘insight’ de parar e abrir a loja que eu sempre sonhei.

 

2- A pandemia te assustou? Como foi encarar esse período e colocar tudo para funcionar?

Até a abertura, em nenhum momento eu me assustei com a pandemia. Afinal, eu estava e ainda estou no mercado e o comportamento de compras dos consumidores após o primeiro período restritivo foi algo inesperado, com a demanda reprimida e efeito manada. No segundo semestre, houve um crescimento absurdo em relação ao ano anterior. Com isso, fiquei otimista. Colocamos o negócio de pé em 2 meses, tivemos sim alguns imprevistos, mas, nada que não faça parte do ‘game’. Mas, assim como vários empreendedores, fomos surpreendidos com mais um fechamento, logo no momento da inauguração da Burban. Nos reinventamos com a abertura, e, mudamos a estratégia para fazer uma inauguração adequada a esse momento que estamos passando, sem aglomeração, coquetel e outros tipos de eventos. Demos espaço para uma ação de abertura online, trazendo consumidores agendados.

 

 

3 – O conceito é algo inédito no Espírito Santo. Quais são os pontos principais, que você pode falar para o público?

O conceito é totalmente inédito, desde os serviços, produtos, e, também, a forma de consumo. Inspirado em ambientes personalizados que já vi nesse mundão, eu tentei trazer tudo para um lugar só. O pulo do gato no espaço são os 5 nichos diferentes, mas, que se conectam muito bem. A ideia é trransformar tarefas comuns à maioria das pessoas em uma experiência diferenciada.

 

4- Você é um cara visionário. O seu lado empresarial sempre foi forte. Como é ter um negócio para comandar e como você se enxerga ou se define neste momento?

Eu tive a oportunidade de atuar com muitas coisas diferentes. Com 13 anos de idade eu já trabalhava. Hoje, na minha profissão de carreira, que é o varejo, não é diferente. Já passei por todas as etapas e funções que dizem respeito a essa profissão: estoquista, caixa, vendedor, gerente, e, agora, proprietário. A história que construí me faz ter uma visão diferente. Eu enxergo e acredito que minha participação fulltime, desde o processo de reforma, e, agora no funcionamento, junto com todo esse know-how que construí ao longo de minha vida, vai me dar muito mais fundamento para comandar o negócio.

 

 

Muito conceito, com ambiente aconchegante. Foto: Divulgação

 

 

Um espaço para você aproveitar tudo! Em um só lugar. Foto: Divulgação

 

5- Você considera que tem um pouco de seu estilo dentro da Burban?

 

A Burban é completamente o meu estilo… art, shop, barber, tattoo e drink. Eu materializei, que, para mim, é o lifestyle perfeito. Coloquei tudo em um ambiente só. A Burban não é uma loja, barbearia ou estúdio de tattoo. A Burban é um estilo de vida, uma experiência que em algum momento todos vão querer ter. Quando escolhi nossos produtos e serviços eu me atentei muito em criar uma experiência para passar aos nossos consumidores. Somos uma marca completa!

 

Drinks personalizados. Foto: Divulgação

 

 

6 – Deixe o seu “alô” para os resenheiros aqui da coluna.

Agradeço pelo espaço, Edu! Que venham novas resenhas e que minha história seja exemplo para muitos que desejam fazer e acontecer em nosso lindo Estado. Espero a visita de todos aqui Burban. Obrigado!

 

Até a próxima pessoal!

Tags:, ,
Marcelo Alves Godinho disse:

Muito bom. No Rio e São Paulo é comum ver points assim. Que bom que está chegando aqui. 10!

Deixe sua resenha!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *