Só festa: São Pedro, Vila Velha e CTCE (Vitória) são os campeões do Metropolitano 2020

Alegria, festa! A manhã e tarde de domingo foi reservada para as disputas das grandes finais do Metropolitano de Futebol de Areia 2020, no Centro Esportivo Tancredo de Almeida Neves (Tancredão).

Feminino
Recheado de craques, a disputa do feminino de fato rendeu o que prometia. Num jogo equilibrado, São Pedro e Rio Branco ficaram num empate em 3 a 3 no tempo normal. Na prorrogação, vitória do São Pedro decretada, por 4 a 3. Silvana (2) e Mayara (2) marcaram para a equipe bicampeã do Campeonato, enquanto Lorena Medeiros, Ana Beatriz e Barbara Colodetti fizeram gols pelo Rio Branco.

Destaque da equipe e da competição, sendo a artilheira com 12 gols marcados, Silvana elogia a superação e determinação das atletas do São Pedro. Segundo ela, ingredientes fundamentais para a vitória. “Eu estou sem palavras. Jogar contra o Rio Branco é sempre um jogão, e vocês viram, foi no detalhe! Duas equipes que tem vários talentos individuais, de grupo, e acho que o que prevaleceu para nós foi a união, não desistir nunca, e conseguimos a vitória. Em casa, treinei bastante [durante a pandemia]. Mesmo não termos treinado direito, como coletivo, fomos na ‘cara e na coragem”, falou a artilheira

Presença ilustre

A partida foi acompanhada de perto pelo atual técnico da Seleção Brasileira, Fabrício Santos, que conhece bem a maioria das atletas que estavam em quadra. No atual time nacional, as atletas Silvana e Mayara, e a goleira Natalie, do São Pedro, além de Barbara Colodetti, a goleira Letícia Lopes, Noele Bastos, Letícia Villar e Lorena Medeiros, do Rio Branco.

Masculino

Emoção com as mulheres, e emoção com os homens também tomou conta, porém com um placar mais magro. Logo no início do primeiro dos três tempos, Luquinhas, do Beach Soccer Vila Velha, fez o único e decisivo gol para a sua equipe. O placar só não aumentou, para ambos os lados, por conta dos goleiros. Marcelo Muniz, o “Marcelão”, pelo lado do BS Vila Velha, e Estevão, pelo time de Viana, brilharam ao pegar pênaltis durante o confronto. Segurando e também apresentando perigo, o Vila Velha conseguiu o título do Metropolitano 2020 no módulo masculino.

“Mérito todo da equipe. Acreditaram no projeto, que idealizei a um ano, junto com o Leonardo Godin, Começamos treinando com três, às cinco e meia da manhã, e hoje estamos aí, conquistando um título. Tem gente querendo entrar (no projeto),e quero mais é que surjam novos talentos!”, afirmou o goleiro Marcelão.

Sub-13

Já na garotada, a festa foi o CTCE (Vitória). De virada, pelo placar de 6×4, os meninos alvianis derrotaram o time do projeto social Parma, e levaram para casa as medalhas e o troféu de campeões do Metropolitano 2020

Demais premiações (individuais)

Feminino: Melhor goleira: Letícia Lopes (Rio Branco). Melhor jogadora: Bárbara Colodetti (Rio Branco). Artilheira: Silvana (São Pedro)

Masculino – Melhor Goleiro: Marcelo Muniz (Vila Velha). Melhor jogador: Estevão (Vila Velha). Artilheiro: Júnior (Arsenal) e Estevão (Vila Velha), com oito gols

📸 João Brito

Viu algo interessante no mundo do esporte?  Envie sugestão para:

[email protected]

Facebook_icon.svgfoto-instagram-esboco-do-logotipo-da-camera_318-56004

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *