Dores musculares pós treino: Por que sentimos e como evitá-las?

Logo após uma atividade física as sensações de liberdade, conforto e sensação de meta cumprida são inexplicáveis, só praticando para saber. No dia seguinte, aquela dorzinha que você tanto temia aparece. Os iniciantes e aqueles que ficaram ociosos por longos períodos, sofrem mais com essas dores musculares pós-treino.

Sentir essas dores é normal. Dependendo do treino, os incômodos podem variar de intensidade, durando de dois a três dias e gerar desconforto e até limitações.

“As dores após o treino acontecem devido a dois componentes: os exercícios de sobrecarga que causam lesões nas fibras musculares e os treinamentos de resistência que ocasionam um acúmulo de ácido lático”.

As microlesões ou rupturas dos músculos levam ao processo de inflamação, que geralmente causam essa dor tardia.

A melhor forma de prevenir o aparecimento destas dores musculares é aumentar a quantidade e a intensidade dos exercícios gradativamente, permitindo que seu corpo se acostume aos estímulos.

Assim, as melhores indicações para evitar lesões e diminuir as dores musculares são:

  • Alongar e passar o rolinho de liberação miofascial
  • Repousar após o treino
  • Controlar a intensidade dos exercícios aeróbicos e anaeróbicos
  • Respeitar os limites do seu corpo.

Siga NO PIQUE!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *