Esportes

Camilo admite pensamento no Colo Colo e diz: 'Botafogo não está 100% fisicamente'

Redação Folha Vitória

Rio - Um dia depois de defender a seleção brasileira no amistoso com a Colômbia, o meia Camilo se reapresentou ao Botafogo nesta quinta-feira. A equipe alvinegra também entrou em campo na quarta e caiu na estreia do Campeonato Carioca para o Madureira, por 2 a 0. Neste sábado, jogará a segunda rodada da competição, contra o Nova Iguaçu, mas no clube ninguém esconde que a cabeça está no confronto com o Colo Colo.

"É a expectativa de todo torcedor. Virão pessoas de outros estados para ver esse jogo. Comecei a treinar até antes do início da temporada pensando nisso. Vamos jogar mais com o coração e com aquela vontade de querer vencer. É coração na ponta da chuteira para que possamos alcançar os nossos objetivos", declarou o meia.

Na quarta-feira que vem, o Botafogo fará seu primeiro jogo na fase preliminar da Libertadores contra o Colo Colo, no Engenhão. E apesar do otimismo dos jogadores, Camilo sabe que a equipe ainda precisa evoluir até esta partida, principalmente na questão física.

"Não digo que estamos 100% prontos fisicamente. Com a sequência de treinos, vamos melhorar, mas não vamos ficar prontos em uma semana. Ganhamos no entrosamento, no coletivo. Será um jogo que nossa torcida contará muito e também precisamos ter uma boa leitura", analisou.

O meia também mostrou-se ansioso para atuar ao lado de Montillo pela primeira vez. "Depois que eu tive essa experiência na seleção, com o Tite colocando três ou quatro meias para jogar, vi que dá para tirar jogadores da equipe. Não vejo problema, conheço bem o Montillo. Muito trabalho para que possamos ajudar nossos companheiros na criação e na recomposição."

Pontos moeda