Gana vence graças aos irmãos Ayew e Egito avança à semifinal com gol no final

Esportes

Gana vence graças aos irmãos Ayew e Egito avança à semifinal com gol no final

Redação Folha Vitória

Oyem, Gabão - Gana contou com gols dos irmãos Ayew para derrotar a República Democrática do Congo (ex-Zaire) por 2 a 1, neste domingo, e garantir vaga às semifinais da Copa Africana das Nações que acontece no Gabão. Jordan abriu o marcador e Andre garantiu a vitória. M'Poku descontou para o adversário.

Na próxima fase, a seleção que já venceu por quatro vezes a competição enfrentará Camarões. O duelo está marcado para esta quinta-feira, às 17 horas (de Brasília). Gana é também a atual vice-campeã da Copa Africana e tem feito ótimas campanhas nas últimas edições.

O time chegou às semifinais em 2008, 2010, 2012, 2013 e 2015. No entanto, tenta encerrar o jejum de ficar no quase. Desde 1982 que a seleção ganesa não consegue erguer a taça do principal torneio entre seleções do continente. Vale lembrar que o vencedor garante vaga para a Copa das Confederações deste ano, em junho, na Rússia.

A partida deste domingo foi bastante truncada e terminou com 46 faltas. Entre inúmeras pancadas de ambos os lados, houve 15 minutos de bom futebol. Aos 18 da etapa final, Jordan abriu o placar. O atacante do Aston Villa fez boa jogada individual, se livrou de dois marcadores e bateu firme sem chances para o goleiro adversário.

Cinco minutos depois, a República Democrática do Congo chegou ao empate em um belo chute de fora da área de M'Poku, que entrou no ângulo. Mas, aos 33, Andre Ayew, do West Ham, cobrou pênalti para garantir a classificação.

EGITO SE GARANTE NO FIM - Com um gol a dois minutos do fim, a seleção do Egito derrotou Marrocos por 1 a 0 e também garantiu vaga às semifinais da Copa Africana das Nações. Na próxima fase, o time egípcio enfrentará Burkina Faso nesta quarta-feira, às 17 horas (de Brasília).

O duelo bastante equilibrado caminhava para a prorrogação, quando aos 43 minutos a seleção egípcia conseguiu tirar o zero do placar graças a uma jogada de bola parada. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Mahmoud Kahraba, que mandou para as redes.