Presidente do Palmeiras promete mais auxílio à Chapecoense

Esportes

Presidente do Palmeiras promete mais auxílio à Chapecoense

Redação Folha Vitória

Chapecó - A diretoria do Palmeiras garantiu estar disposta a prestar mais auxílio à Chapecoense além do já realizado neste sábado, com o amistoso entre as equipes na Arena Condá. O presidente Maurício Galiotte afirmou que o clube quer contribuir com outras ações, apesar de ter nos últimos meses ajudado com o empréstimo de jogadores e bancado com recursos próprios a ida à cidade catarinense.

Ao fim do empate em 2 a 2, no jogo de estreia dos dois times na temporada, Galiotte explicou que o departamento jurídico do Palmeiras está à disposição para ajudar nos trâmites das novas contratações que a Chapecoense possa precisar para repor as perdas com o acidente. "Nosso objetivo é maior do que o jogo. É ajudar o clube, encher a Arena Condá, ajudar financeiramente, com os jogadores, com nossos departamentos, seja da maneira que for possível. Vamos continuar ajudando", afirmou.

O Palmeiras arcou as próprias despesas de viagem e hospedagem em Chapecó para o amistoso. A renda de R$ 800 mil será totalmente destinada ao clube catarinense. O elenco recém-montado pela contratação de 24 jogadores tem três atletas emprestados pelo time paulista: o zagueiro Nathan, o lateral-direito João Pedro e o volante Amaral. Outro ex-palmeirense no time é o volante Andrei Girotto, que defendeu o clube em 2015.

"Os valores envolvidos no jogo, nessa situação em que estamos juntos com a Chapecoense, são imensuráveis. Estamos aqui esticando os braços e oferecendo ajuda. O Palmeiras não vai medir esforços para contribuir com a reconstrução da Chapecoense", disse o dirigente. O mandatário do Palmeiras jantou em Chapecó na noite de sexta-feira da companhia do prefeito da cidade, Luciano Buligon, e do presidente da Chapecoense, Plínio David de Nês Filho.

O presidente da Chapecoense elogiou a vinda do Palmeiras à cidade. "Temos muito a agradecer. É um time amigo, esteve aqui gratuitamente para marcar o reinício das atividades. Esse recomeço é significativo para trazer alento aos nossos torcedores e à população", afirmou.

Na noite de sábado, o Palmeiras retornou em avião fretado para São Paulo e deu 'carona' à equipe sub-20 da Chapecoense. Os catarinenses embarcaram no mesmo voo como trecho da viagem até Guayaquil, no Equador, onde fazem amistoso na noite de terça contra o time local do River Plate.