• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Greve dos rodoviários na GV motivou desistência do Botafogo por pré-temporada no ES

Esportes

Greve dos rodoviários na GV motivou desistência do Botafogo por pré-temporada no ES

O time ficaria em um hotel localizado no município de Domingos Martins, na região Serrana do Estado, onde chegaria no próximo domingo (7)

A greve dos rodoviários que acontece na Grande Vitória há 11 dias foi um dos motivos que levou o Botafogo a desistir de realizar a pré-temporada no município de Domingos Martins, região Serrana do Estado, como estava previsto. A informação foi divulgada pela empresa R1 Eventos, que organizava a vinda do clube do Rio de Janeiro ao Espírito Santo.

Procurado pela equipe de reportagem, o empresário Rominho Dias divulgou uma nota informando que o cancelamento da pré-temporada do Botafogo no Espírito Santo se deu após uma decisão consensual entre a R1 Eventos e o clube carioca.

De acordo com a nota, um dos motivos que levaram à decisão foi a greve dos rodoviários que acontece na Grande Vitória, o que, segundo alegação, "trouxe instabilidade para a logística de torcedores que acompanhariam a partida amistosa do dia 11". Outros motivos também foram listados, como a temporada encurtada, a retirada de apoios, o aumento de custos.

Na mesma nota, o empresário afirmou que "nunca deixou de cumprir qualquer parte do acordo de realização da pré-temporada e que todo o trâmite, até o momento, foi feito de forma idônea e respeitando toda a sua relação profissional e cordial com os dirigentes do Botafogo".

A desistência foi divulgada pelo Botafogo na noite desta quinta-feira (4), por meio de uma publicação na conta oficial do clube no Twitter. De acordo com a postagem, a desistência se deu por questões operacionais e de logística. Dessa forma, a pré-temporada do Botafogo será toda realizada na cidade do Rio de Janeiro. A nota ainda informa que a equipe seguirá a preparação no Estádio Nilton Santos. Veja a publicação:

Torcedores na bronca

A decisão da diretoria do time não agradou os torcedores capixabas. Nos comentários da postagem na rede social, diversos seguidores criticaram a atitude. "Cada vez mais afastando torcedor. Assim como eu, muitos botafoguenses iriam para o China Park para ficar perto do time e de última hora cancelam? E quem pagou? Lamentável. Decepcionante", desabafou um torcedor.

Outros torcedores questionaram pelo fato de que muitos já haviam se programado ou, até mesmo, reservado quartos no mesmo hotel para ficar mais perto do time de coração. "E o pessoal que já acertou com o hotel para ficar no mesmo período do time?", questionou um seguidor. "Já estava me programando para ir ver o time no aeroporto", lamentou outro.

Hotel lamenta

Não foram somente os torcedores que não gostaram da decisão. Em uma nota oficial divulgada pelo Hotel Fazenda China Park, onde a delegação ficaria hospedada, e assinada pelo diretor presidente do local, Valdeir Nunes, o estabelecimento lamentou a decisão e disse que o cancelamento aconteceu "devido à irresponsabilidade e a falta de compromisso do empresário, intermediador entre o Hotel e o Botafogo, que não cumpriu sua parte no acordo, inclusive, sequer finalizando a compra das passagens aéreas da delegação".

A chegada do time ao hotel estava prevista para o próximo domingo (07). De acordo com a nota, compartilhada no Facebook do local, tudo já estava preparado para receber os componentes da delegação. "Varias suítes bloqueadas para acomodar a delegação, Centro de Treinamento preparado conforme exigência dos treinadores e diretoria, arquibancada montada e o espaço Botafogo destinado a atender a todas as refeições, completamente pronto, inclusive com toda mão de obra contratada e todos os insumos necessários para atender às demandas nutricionais dos atletas já compradas", diz a nota.

O hotel finaliza a nota desejando sucesso ao Botafogo e agradecendo "a compreensão de todos os colaboradores, fornecedores e parceiros que entenderam que o cancelamento não dependeu da parte do Hotel".