• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Seleção masculina de handebol já sonha com vaga na final no Mundial

Esportes

Seleção masculina de handebol já sonha com vaga na final no Mundial

Para os jogadores do Brasil, que avançaram na competição, a meta agora é chegar a uma histórica final

Foto: reprodução/pixabay

A vitória sobre a equipe unificada das Coreias, nesta quinta-feira, empolgou a seleção brasileira masculina no Mundial, que vem sendo disputado na Alemanha e na Dinamarca. Para os jogadores do Brasil, que avançaram na competição, a meta agora é chegar a uma histórica final.

"O nosso objetivo é ir atrás da melhor classificação. Todo mundo quer ir para a final, todo mundo está se entregando ao máximo e tendo um empenho incrível. Estamos entre os 12, mas isso não é suficiente, então queremos mais. Seja quem vier, queremos ganhar cada jogo. Não vai faltar compromisso e esperamos que dê tudo certo", avisou o ponta Felipe Borges.

O resultado desta quinta foi histórico porque o Brasil já alcançou sua melhor colocação de todos os tempos, superando o 13º lugar no Mundial de 2013. "Estamos muito contentes em saber que o trabalho que estamos realizando, não só de agora, mas de anos, em todos os Mundiais, vem dando resultado", comentou Borges.

"Desde 2013 que estamos no quase e agora chegamos entre os 12. Não dá para dizer em que posição vamos acabar, mas vamos tentar fazer o máximo possível. A gente veio para incomodar. Vamos manter o trabalho e descansar. O desgaste da fase de grupos foi muito alto. Vamos nos recuperar para as partidas que virão. Elas serão complicadas e precisamos dar o máximo", continuou.

Apesar da vaga, o Brasil entra em desvantagem. As seleções que avançaram carregam os resultados diante dos times classificados. Assim, como o Brasil perdeu para França e Alemanha, as outras duas da chave que passaram, inicia sem ponto a próxima fase, enquanto os rivais (que empataram entre si) largam com três pontos. As outras seleções são Croácia (4 pontos), Espanha (2) e Islândia (0).