• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Kyrgios supera batalha de mais de 4h e vai encarar Nadal no Aberto da Austrália

Esportes

Kyrgios supera batalha de mais de 4h e vai encarar Nadal no Aberto da Austrália

Nadal fez seu melhor jogo até aqui e se mostrou agressivo em quadra. Ele disparou 42 bolas vencedoras e cometeu apenas sete erros não forçados.

Estadão Conteúdo

Redação Folha Vitória
Foto: Divulgação

O tão esperado duelo entre o espanhol Rafael Nadal e o tenista local Nick Kyrgios, conhecido pelas suas polêmicas, vai acontecer no Aberto da Austrália. Os dois venceram seus jogos da terceira rodada e vão se enfrentar nas oitavas de final do torneio.

Rafael Nadal passou com tranquilidade pelo seu compatriota Pablo Carreño Busta, 30º do ranking da ATP. O número 1 do mundo dominou o adversário e venceu o confronto por 6/1, 6/2 e 6/4, em 1h39 e avançou às oitavas na Austrália pela 13ª vez, sendo a quarta seguida.

Nadal fez seu melhor jogo até aqui e se mostrou agressivo em quadra. Ele disparou 42 bolas vencedoras e cometeu apenas sete erros não forçados. Nas subidas à rede, pontuou em 11 das 12 tentativas. Seu saque também foi um ponto alto, de modo que acertou nove aces, não cometeu dupla falta e teve aproveitamento de 84% em seus serviços.

"Foi a minha melhor partida no torneio até aqui, sem dúvida", avaliou Nadal após o triunfo. "Hoje os meus saques encaixaram e, então, comecei a acertar alguns forehands na linha. Essa foi a chave da vitória", completou.

Ao contrário do espanhol, Kick Kyrgios, número 26 do mundo, teve que suar muito para vencer sua partida. O australiano superou uma verdadeira batalha física e mental que durou 4h26. Ele bateu o russo Karen Khachanov (17º) por 6/2, 7/6 (7/5), 6/7 (6/8), 6/7 (7/9) e 7/6 (10/8).

Muito exigido fisicamente, Kyrgio solicitou atendimento médico duas vezes durante o confronto. Primeiro, sentiu dores no glúteo. Depois, reclamou de um incômodo na parte posterior da coxa esquerda. Mesmo extenuado, o tenista local conseguiu suportar o cansaço para triunfar no duelo que teve quatro tie-breaks, para a alegria dos torcedores.

Kyrgios deu mostras de que venceria sem tanta dificuldade depois que abriu 2 sets a 0 e chegou a liderar a terceira parcial por 4/2, ficando a dois games de uma tranquila vitória em sets diretos. No entanto, o russo ressurgiu e mostrou muita força. Para forçar o quinto set, ele salvou dois match points, um no tie-break do terceiro set e outro no tie-break da parcial seguinte.

Khachanov, no entanto, cometeu erros consecutivos no reta final do set decisivo, no momento em que parecia que a vitória viria, e viu o Kyrgios definir a partida em seu potente saque.

Nadal tem uma vantagem apertada no histórico contra Kyrgios. O espanhol soma quatro vitórias e o australiano contabiliza três triunfos. Eles duelam neste domingo.

OUTROS RESULTADOS - Daniil Medvedev avançou às oitavas de final do torneio pelo segundo ano consecutivo. O tenista russo superou o tenista local Alexei Popyrin, 96º do ranking, por 6/4, 6/3 e 6/2. Número 4 do mundo, ele tenta chegar às quartas de final da competição pela primeira vez em sua carreira.

Na próxima fase, Medvedev vai encarar Stan Wawrinka, que nem precisou se desgastar para passar de estágio. O suíço, 15º do ranking, se classificou depois que o norte-americano John Isner abandonou o duelo no segundo set, após pouco mais de 1 hora de jogo, quando perdia por 4/1 - na primeira parcial, foi derrotado por 6/4. O motivo da desistência foi uma lesão no pé esquerdo do número 19 do mundo.

Quem continua sem perder sets no torneio é Alexander Zverev. O alemão, número sete do mundo, derrotou o espanhol Fernando Verdasco (51º) por 6/2, 6/2 e 6/4. Dono de 11 títulos de nível ATP, Zverev, que busca seu primeiro troféu de Grand Slam e nunca passou das oitavas na Austrália, terá como adversário na sequência da competição o embalado russo Andrey Rublev, 16º do ranking, e que já conquistou dois títulos neste início de temporada - em Doha e Adelaide. Para chegar às oitavas, o tenista da Rússia despachou o belga David Goffin (11º) por 2/6, 7/6 (7/3), 6/4 e 7/6 (7/4).

Mais cedo, Dominic Thiem e Gael Monfils confirmaram o favoritismo em suas partidas e vão se enfrentar nas oitavas. O austríaco, número 5 do mundo, superou o norte-americano Taylor Fritz (34º) por 6/2, 6/4, 6/7 (5/7) e 6/4, e o francês bateu o letão Ernests Gulbis, apenas 256 do ranking, em sets diretos - 7/6 (7/2), 6/4 e 6/3.