• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

City anuncia saída de Pellegrini e chegada de Guardiola para a próxima temporada

Esportes

City anuncia saída de Pellegrini e chegada de Guardiola para a próxima temporada

Manchester - No último dia da janela para transferências da Europa, não foi a negociação de algum jogador que atraiu todas as atenções no continente e no mundo do futebol. O protagonista da principal surpresa desta segunda-feira foi o técnico Pep Guardiola, que encerrou as especulações e definiu seu futuro. O badalado espanhol será o novo comandante do Manchester City a partir da próxima temporada.

A notícia foi confirmada pelo próprio clube, através de nota oficial. Segundo a diretoria do City, Manuel Pellegrini chegou a um acordo para encerrar sua passagem por lá ao fim desta temporada e será substituído por Guardiola, que já havia anunciado sua decisão de deixar o Bayern no meio do ano.

"O Manchester City pode confirmar que nas últimas semanas começou e finalizou as negociações contratuais com Pep Guardiola para ser o novo técnico do clube para a temporada 2016/2017. O contrato terá duração de três anos", anunciou o clube.

Além do acordo em si, a notícia causou surpresa pelo tempo de duração do vínculo, uma vez que Pep Guardiola sempre preferiu estabelecer contratos mais curtos, de apenas um ano, e se dizia "movido por novos desafios" a cada temporada.

Foi justamente com esta justificativa que Guardiola anunciou sua saída do Bayern de Munique no fim de 2015. Já em janeiro deste ano, o espanhol revelou que este "novo desafio" que buscava era treinar um clube da primeira divisão inglesa. Rapidamente, os rivais de Manchester, além do Chelsea, passaram a ser apontados como possíveis destinos para ele.

Mas o City sempre apareceu com mais força, ao menos nas especulações da imprensa inglesa, que inclusive garantiu que o treinador já indicou uma série de reforços ao clube. O fato é que Guardiola chega com a tarefa de finalmente transformar a equipe em uma potência europeia, o que Pellegrini não conseguiu fazer.

Esta, aliás, sempre foi a principal crítica da torcida e da mídia inglesa ao trabalho do técnico chileno. Domesticamente, Pellegrini até alcançou sucesso em sua passagem pelo City. Desde que chegou em 2013, conseguiu dois títulos nacionais: um Campeonato Inglês e uma Copa da Liga Inglesa. Mas na Liga dos Campeões, nunca conseguiu sequer passar das oitavas de final.

Ainda assim, o City fez questão de agradecer o chileno pelos três anos de trabalho. "Pelo respeito a Pellegrini e aos jogadores, o clube quer tornar essa decisão pública para terminar com a especulação desnecessária. Pellegrini, que apoiou a decisão de fazer este comunicado, está focado na decisão de alcançar seus objetivos nesta temporada e retém o respeito e o comprometimento de todos envolvidos na liderança do clube."

Pellegrini terá uma última chance de conquistar a Liga dos Campeões com o City, já que o clube está nas oitavas de final do torneio, contra o Dínamo de Kiev. Mas a verdade é que o desejo dos dirigentes de Manchester de ter Guardiola já era antigo. "Estas negociações foram um reinício das discussões que foram iniciadas em 2012", diz o comunicado.