Gabriela Cé e Bia Haddad passeiam e Brasil bate o Equador na Fed Cup

Esportes

Gabriela Cé e Bia Haddad passeiam e Brasil bate o Equador na Fed Cup

Em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, as tenistas venceram suas partidas nesta quinta-feira e deixaram o País a apenas mais um confronto de ir à final

Redação Folha Vitória
Gabriela Cé venceu e, junto com Bia Haddad, levou o Brasil às semifinais da competição Foto: Divulgação

Santa Cruz de la Sierra - A equipe brasileira voltou a confirmar seu favoritismo e arrancou mais uma vitória no Zonal Americano da Fed Cup. Em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, Gabriela Cé e Bia Haddad venceram suas partidas nesta quinta-feira e deixaram o País a apenas mais um confronto de ir à final deste estágio da competição. Nem foi preciso esperar o jogo de duplas para fechar o duelo.

No Zonal Americano, as equipes têm confrontos de apenas três jogos (dois de simples e um de duplas), em um mesmo dia. Cada país faz três confrontos na semana, numa sede única, pela fase de grupos. Os vencedores das duas chaves se enfrentam para definir quem ganha a oportunidade de disputar a repescagem para o Grupo Mundial II, a segunda divisão do torneio.

O Brasil está na liderança da chave B do Zonal Americano, após as vitórias sobre Equador e Peru. Na sexta-feira, encarará a Argentina e se vencer, vai disputar a final desta fase com o primeiro colocado da chave A. Em caso de novo triunfo, terá a oportunidade de disputar uma vaga no Grupo Mundial II.

Nesta quinta, a primeira vitória veio com Bia Haddad. Em apenas 52 minutos, a jogadora número 237 do ranking mundial atropelou a equatoriana Marie Elise Casares por 2 sets a 0, com direito a "pneu": 6/2 e 6/0. Foram seis quebras de serviço para a brasileira, que não encontrou qualquer dificuldade para triunfar.

Na segunda partida, o Brasil se deu ao luxo de poupar sua principal jogadora, Teliana Pereira, e entrou com Gabriela Cé, 247.ª do ranking. Ela teve dificuldade no início, mas depois arrancou para o triunfo, também com "pneu". Fez 2 sets a 0 para cima de Camila Romero, com parciais de 7/5 e 6/0.