• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Jovem de periferia chega à graduação com apoio de projeto social de esportes em Vitória

  • COMPARTILHE
Esportes

Jovem de periferia chega à graduação com apoio de projeto social de esportes em Vitória

Com apoio do projeto "Escolinha de Esportes" da Prefeitura Municipal de Vitória (PMV), a jovem concluiu graduação no curso de nível superior em Educação Física

Breno Ribeiro

Redação Folha Vitória

A moradora do bairro Tabuazeiro, no município de Vitória, Jordana Carvalho, de 20 anos, acaba de realizar um grande sonho. Com apoio do projeto "Escolinha de Esportes", da Prefeitura Municipal de Vitória (PMV), a jovem concluiu graduação no curso de nível superior em Educação Física.

Jordana começou a praticar atletismo no projeto quando ainda 13 anos de idade, em 2011. Foram anos de treinos, realizados no Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes), e participações em diversas competições estaduais e nacionais representando do Estado.

A atleta chegou a conquistar a terceira colocação no salto em distância nos Jogos Universitários Brasileiros, realizado em 2015. Além de conquistas no esporte, Jordana acaba de vencer mais um desafio ao se tornar graduada no curso de Educação Física.

O atletismo proporcionou a oportunidade à jovem por meio do Bolsa Atleta da prefeitura e também do Bolsa Atleta da Faculdade Doctum, onde concluiu a graduação. Jordana é a primeira jovem da periferia que, engajada com o apoio do projeto e de seu professor Fernando Paes, se forma em um curso superior.

"Muitas vezes, por se tratar de um projeto social, as pessoas associam ao fato de apenas tirar pessoas da rua. Contudo, nesse projeto, pensamos em formas de ir além, dando proporcionando oportunidades de cursos técnico e superior paras esses jovens. Já temos alguns alunos conseguindo fazer esse link entre esporte, educação e profissionalização", comenta Fernando.

"A Jordana é um exemplo que serve de incentivo para os demais alunos, pois ela é uma das primeiras que conseguimos proporcionar a formação através do projeto. Por meio do esporte ela conseguiu o bolsa atleta e, talvez, se não fosse o esporte, ela não conseguiria a graduação. A divulgação da história dela está atingindo outras crianças menores, que têm ela como referência. Ela leva novos alunos para o projeto e é vista como espelho", finaliza o professor.

Veja abaixo a mensagem de agradecimento que a jovem inseriu em seu convite de formatura: