Após dez jogos, Corinthians ainda não tem titular na 'camisa 9'

Esportes

Após dez jogos, Corinthians ainda não tem titular na 'camisa 9'

Recuperado de lesão, Luciano foi escolhido para jogar diante do Santos na Vila Belmiro, após seis meses afastado, mas o atacante só chamou a atenção ao ficar impedido duas vezes

Redação Folha Vitória
Dos 12 gols marcados em 2016, só um foi feito por um genuíno "9": o de André, diante do São Bento Foto: ​Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

São Paulo - Depois de dez jogos disputados neste ano, Tite ainda não encontrou um "camisa 9" para o Corinthians, e a posição de centroavante se tornou uma das principais lacunas da escalação da equipe. Dos 12 gols marcados em 2016, só um foi feito por um genuíno "9": o de André, diante do São Bento.

Os outros tentos foram bem distribuídos entre os atacantes que atuam pelos lados do campo, Romero e Lucca, que fizeram dois gols cada um, além de Uendel, Guilherme, Yago, Giovanni Augusto, Rodriguinho e Guilherme, que completam a lista com um gol cada. O zagueiro Escalona, do Cobresal, marcou um gol contra, na estreia corintiana na Copa Libertadores.

Tite começou o ano escalando Danilo no comando de ataque, mas o meia não se firmou e já voltou a atuar em sua posição de origem. Recuperado de uma lesão no joelho, Luciano foi escolhido para jogar diante do Santos na Vila Belmiro, após seis meses afastado. Ao lado de Lucca e Romero, o atacante só chamou a atenção ao ficar impedido duas vezes. Acabou substituído na metade do segundo tempo.

Contratado em fevereiro, André deve ser o escolhido para o jogo contra o Cerro Porteño, nesta quarta-feira, pela Libertadores. Ele foi titular contra o São Paulo, na vitória de 2 a 0. Fez belo gol na vitória contra o São Bento, mas não conseguiu finalizar na Vila Belmiro. Teve um desempenho ruim, mas sua atuação foi prejudicada pelos problemas coletivos que o time apresentou.

Tite confessa que ainda não encontrou a escalação ideal. "O desempenho é do conjunto em sua totalidade, e a análise também. No primeiro (tempo) ficamos abaixo do normal. Eu tive um fator de culpa porque nossa equipe joga normalmente com quatro meio-campistas. Estamos ainda numa fase observação de desempenho. Ficamos com jogadores agudos, mas faltou no meio-campo", analisou.