• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Fognini volta a surpreender Nadal e vai às quartas de final em Barcelona

Esportes

Fognini volta a surpreender Nadal e vai às quartas de final em Barcelona

Barcelona - Depois de ter surpreendido Rafael Nadal na semifinal do Rio Open deste ano, Fabio Fognini voltou a desbancar o favoritismo do tenista espanhol nesta quinta-feira. O italiano venceu o adversário por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/6 (8/6), desta vez em pleno Torneio de Barcelona, onde o ídolo local defendia a condição de segundo cabeça de chave do ATP 500 realizado em quadras de saibro.

Com o novo feito diante do atual quarto colocado do ranking mundial e considerado por muitos o melhor tenista de saibro de todos os tempos, o hoje 30º jogador do mundo avançou às quartas de final e se credenciou para enfrentar nesta sexta o espanhol Pablo Andujar, que neste dia de confrontos também fez bonito ao superar o seu compatriota Feliciano López, quinto cabeça de chave, com parciais de 6/3 e 6/4.

Essa foi a segunda vitória de Fognini em seis jogos com Nadal, que até amargar as duas derrotas deste ano para o rival acumulava quatro triunfos seguidos sobre o italiano, sendo três deles em 2013 e um em 2014.

Nesta nova partida com o espanhol, Fognini começou bem no primeiro set e, sem ter o saque quebrado por uma vez, converteu um de três break points para abrir a vantagem inicial de 6/4.

Já a segunda parcial ficou marcada pela irregularidade dos dois tenistas, pois cada um teve o serviço quebrado por três vezes e a disputa acabou indo para o tie-break, no qual o italiano foi um pouco melhor para fazer o 8/6 que liquidou a partida.

Em outro jogo encerrado há pouco tempo em Barcelona, o alemão Philipp Kohlschreiber também se garantiu nas quartas de final ao derrotar o francês Benoit Paire por 2 sets a 0, com as mesmas parciais de 6/4 e 7/6 (8/6). Assim, o jogador da Alemanha terá pela frente na próxima fase o espanhol David Ferrer, terceiro cabeça de chave, que horas mais cedo passou pelo sueco Elias Ymer por 6/3 e 6/4.