Após Atlético-PR proibir organizada, Walter vai à sede e veste camisa da torcida

Esportes

Após Atlético-PR proibir organizada, Walter vai à sede e veste camisa da torcida

O atacante Walter foi nesta quinta-feira à sede da Torcida Os Fanáticos, principal alvo da punição, e inclusive posou para fotos vestindo a camisa da organizada

Redação Folha Vitória
Atacante (no centro) esteve na sede da torcida organizada nesta quinta Foto: Reprodução Facebook

Curitiba - Dois dias depois do Atlético Paranaense anunciar a proibição da entrada na Arena da Baixada de qualquer adereço alusivo às torcidas organizadas do clube, o atacante Walter foi nesta quinta-feira à sede da Torcida Os Fanáticos, principal alvo da punição, e inclusive posou para fotos vestindo a camisa da organizada.

A decisão da diretoria do Atlético-PR de vetar as organizadas em seu estádio foi causada, entre outros motivos, porque, de acordo com nota do clube, a Fanáticos "publicou vídeo em que o ameaça (a Walter) física e moralmente, com ofensas injuriosas e desrespeitosas, que acabam por atentar contra o patrimônio e a imagem do Atlético-PR".

No domingo, Walter se incomodou com as críticas da torcida e deixou o gramado da Arena da Baixada mostrando o dedo do meio para a arquibancada. A organizada entendeu que a crítica era a ele e o atacante foi ameaçado em vídeo. Depois, ele teria procurado a facção para explicar que recebeu uma cusparada de um torcedor e estava protestando apenas contra ele. A torcida pediu desculpas pelas críticas e elogiou a atitude do atacante.

Nesta quarta, a Fanáticos postou uma fotografia de Walter na sede da torcida, informando que "o atacante nos fez uma visita, conheceu a nossa sede e aproveitou para bater um papo bem descontraído com diretores da torcida".

O incômodo da diretoria do Atlético com a organizada é tanto que o clube anunciou que vai recolocar cadeiras no chamado "setor Fan" da Arena da Baixada. O local, atrás do gol, no qual tradicionalmente ficam as arquibancadas, atualmente está sem assentos para que os organizados vejam a partida em pé. Além disso, o caixote de madeira, onde sobem os líderes da torcida para comandar a festa, também foram retirados.