• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Oeste e Ponte Preta ficam no empate na Série B

Esportes

Oeste e Ponte Preta ficam no empate na Série B

Itápolis - Não foi da forma que gostaria, mas a Ponte Preta conseguiu manter a invencibilidade na Série B do Brasileiro. Na noite desta terça-feira, na abertura da quinta rodada, o time de Campinas empatou com o Oeste por 1 a 1, no Estádio dos Amaros, em Itápolis.

Este foi o quarto empate da Ponte na Série B. Com isso, a equipe do técnico Dado Cavalcanti ainda não conseguiu deslanchar na competição: está na sexta posição, com sete pontos. Já o Oeste é o 10º colocado, agora com cinco pontos.

O fato curioso da partida foi a presença de diversos torcedores descalços nas arquibancadas. A Polícia Militar impediu a entrada no estádio de torcedores que estavam de chinelos de dedo. Assim, perto de 30 pares ficaram separados num canto da portaria. Menos de 500 torcedores pagaram ingresso para ir ao jogo em Itápolis.

Em um duelo equilibrado, quem acabou sendo o principal destaque da primeira etapa foi o gramado do Estádio dos Amaros. Bastante irregular, o terreno impediu que a bola corresse normalmente e acabou sendo mais um obstáculo para os dois times. Apesar da grande dificuldade para jogar, a Ponte criou as melhores chances de marcar.

A primeira delas saiu com Léo Cittadini. Depois foi a vez de Rodolfo, que recebeu de Edno na frente do gol, mas, com medo de isolar a bola, acabou batendo fraco e facilitando para o goleiro Paes.

Antes do intervalo, o atacante Alexandro travou um duelo particular com Paes. Em duas escapadas pelo lado direito, o camisa 9 da Ponte finalizou forte, mas o goleiro do Oeste estava sempre bem posicionado para segurar o resultado.

A única chance de perigo dos mandantes na primeira etapa veio em chute de fora da área de Jefferson Paulista, que passou perto do gol de Roberto.

No segundo tempo, o panorama da partida mudou. O Oeste voltou com a marcação reforçada no meio-de-campo e empurrou o adversário para trás. Sem conseguir jogar com a mesma liberdade de antes, a Ponte passou a ser dominada e passou apertos.

Sofrendo pressão, a Ponte encaixou um contra-ataque e abriu o placar. César apareceu de surpresa na área e finalizou forte. Paes deu rebote, mas Edno apareceu para empurrar para o gol aos 22 minutos.

No lance seguinte, porém, o autor do gol se envolveu em confusão com Eric numa bola dividida e acabou sendo expulso. Com um jogador a menos, a Ponte conseguiu segurar a pressão do adversário por apenas 10 minutos. Aos 35, Denis cruzou do lado esquerdo e Diogo Acosta cabeceou firme para fazer 1 a 1.

Os dois times voltam a campo na próxima terça-feira, quando a Série B terá rodada completa. Às 19h30, a Ponte Preta recebe o Vila Nova no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, enquanto o Oeste encara o Santa Cruz novamente no Estádio dos Amaros, em Itápolis.

FICHA TÉCNICA:

OESTE 1 X 1 PONTE PRETA

OESTE - Paes; Eric, Gustavo Henrique, Ligger (Borebi) e Denis; César Gaúcho, Nando Carandina, Jeferson Paulista (Hélton Luiz) e Lelê; André Luiz (João Denoni) e Diogo Acosta. Técnico - José Macena.

PONTE PRETA - Roberto; Daniel Borges, César, Diego Sacoman e Bryan; Elton, Juninho, Rodolfo (Adrianinho) e Léo Cittadini (Alef); Edno e Alexandro (Antônio Flávio). Técnico - Dado Cavalcanti.

GOLS - Edno, aos 22, e Diogo Acosta, aos 36 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Guilherme Ceretta de Lima (SP).

CARTÕES AMARELOS - Léo Cittadini e Alexandro (Ponte Preta).

CARTÃO VERMELHO - Edno (Ponte Preta).

RENDA - R$ 7.560,00.

PÚBLICO - 467 pagantes.

LOCAL - Estádio dos Amaros, em Itápolis (SP).