Após desgaste na Copa do Brasil, Figueirense encara o Grêmio para pontuar

Esportes

Após desgaste na Copa do Brasil, Figueirense encara o Grêmio para pontuar

Redação Folha Vitória

Florianópolis - O Figueirense encara o Grêmio pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro neste sábado, a partir das 21 horas, na Arena Grêmio, em Porto Alegre, com o objetivo de pontuar na competição. A equipe comandada por Argel Fuchs sofreu uma importante baixa após o desgastante empate com o Botafogo em 2 a 2, no meio de semana, pela Copa do Brasil.

O zagueiro Thiago Heleno sofreu ruptura muscular e ficará fora por quatro semanas. Com isso, o treinador deve sair com um time mais defensivo contra o Grêmio para pelo menos pontuar, já que o time catarinense tem apenas 1 ponto na competição.

"Precisamos pontuar. O Brasileiro é um campeonato difícil, estamos na terceira rodada, temos de pontuar. O Thiago Heleno está fora do jogo devido a uma lesão muscular. Tanto ele como o França. Vamos trabalhar para colocar ambos nas melhores condições para o clássico com o Avaí, em 14 de junho. Jogar com o Grêmio lá é difícil pois são duas equipes que estão buscando a primeira vitória dentro da competição e jogamos fora de casa", afirmou o treinador. "Mas vamos com empenho procurar fazer um grande jogo e conquistar o bom resultado que estamos precisando", completou.

Nesta sexta-feira, o elenco do Figueirense realizou a última atividade antes de embarcar para Porto Alegre. A ação foi marcada apenas por uma movimentação com os atletas correndo em volta do campo e trabalhando no interior das instalações do CFT do Cambirela, realizando também atividades na academia.

Como a sequência de jogos é intensa e o tempo de descanso e preparação é muito curto, a comissão técnica do Figueirense optou por não realizar um treinamento com bola muito intenso na véspera do confronto contra a equipe gaúcha. Além disso, as chuvas dos últimos dias na grande Florianópolis deixaram o campo ainda muito pesado para a prática de treinamentos.

Sobre o rival, Argel alerta para a indefinida situação do rival como perigosa para seu time. "O Grêmio será dirigido por um treinador interino. Mas muitas vezes o interino mostra um bom serviço, vai ficando e vira o treinador permanente. É preciso tomar cuidado porque os jogadores que não estavam jogando vão mostrar serviço para ganharem uma posição no time e os que estavam jogando também vão mostrar serviço para continuarem como titulares", finalizou o treinador.

O Figueirense ocupa a penúltima posição do Brasileirão com apenas 1 ponto. O Grêmio também está na zona do rebaixamento, em 18.º lugar, também com 1 ponto, mas com saldo de gols melhor do que o time de Santa Catarina.