Atlético de Madrid desiste de contratar Rodrigo Caio

Esportes

Atlético de Madrid desiste de contratar Rodrigo Caio

Redação Folha Vitória

São Paulo - A negociação entre São Paulo e Atlético de Madrid para a transferência do volante Rodrigo Caio foi abandonada. O clube espanhol havia oferecido 15 milhões de euros (R$ 51,8 milhões), enquanto a equipe paulista pediu 20 milhões de euros (R$ 69 milhões), valor que o time europeu se recusa a pagar. Segundo um dos empresários do jogador, o ex-atacante Luizão, dificilmente as conversas serão retomadas.

Aos 21 anos, Rodrigo Caio é o capitão da seleção brasileira olímpica e no ano passado já chegou também a ser procurado pelo Mônaco, da França. "Entre São Paulo e Atlético de Madrid acho difícil voltar a ter negócio. Só se os dois amolecerem muito o coração", explicou o empresário.

De acordo com Luizão, outro limitador para a transferência avançar é que desde maio a Fifa proibiu a participação de investidores em negociações. "A proposta inicial tinha dinheiro de fundo de investimento. Como agora isso não pode mais, ficou complicado", comentou.

No atual time do São Paulo o volante tem sido reserva. Durante parte de 2014 Rodrigo Caio foi titular até mesmo na zaga e começou a se destacar. As boas atuações chamaram a atenção do Mônaco, que na época fez uma proposta de 20 milhões de euros. Por isso, o presidente do clube, Carlos Miguel Aidar, não queria liberá-lo ao Atlético de Madrid por outro valor. A transferência para a França no ano passado não evoluiu porque o jogador sofreu uma lesão no joelho, precisou ser submetido a uma cirurgia e ficou sete meses sem atuar.

O São Paulo é dono de 80% dos direitos econômicos de Rodrigo Caio. Os outros 20% são do próprio jogador. Além de Luizão, o ex-meia Deco também representa o volante no Brasil. Na Europa, o empresário do são-paulino é o português Jorge Mendes, que também é agente de Cristiano Ronaldo. O atleta de 21 anos tem contrato com o clube do Morumbi até 2018.