Em bom momento, Fluminense visita o Grêmio pela liderança do Brasileirão

Esportes

Em bom momento, Fluminense visita o Grêmio pela liderança do Brasileirão

Com um elenco sem estrelas e recheado de jovens, o Fluminense, sob o comando do técnico Abel Braga, tem conseguido jogar no seu limite e vencer apresentando um bom futebol

Redação Folha Vitória

Em grande fase neste começo de Campeonato Brasileiro, o Fluminense tem um desafio importante que pode colocar à prova a força de seu elenco. Nesta quarta-feira, o time carioca encara o Grêmio às 21h45, na Arena Grêmio, em Porto Alegre. O duelo, válido pela oitava rodada da competição, pode dar aos tricolores a liderança na tabela de classificação.

Deixando de lado a política do Fluminense, conturbada pela saída de Paulo Autuori, agora ex-diretor de futebol do clube, o clima é o melhor possível. A equipe carioca vem de duas vitórias seguidas e está na vice-liderança do torneio com 13 pontos, atrás apenas do arquirrival Flamengo, que tem 14.

A diretoria do Fluminense ainda não anunciou o substituto para Paulo Autuori. E enquanto o clube tenta se organizar em seus bastidores, o time tem a oportunidade de nesta quarta-feira assumir a ponta do Brasileirão.

Além dos resultados, o que tem dado tranquilidade para o time é o bom desempenho nos últimos jogos. Com um elenco sem estrelas e recheado de jovens, o Fluminense, sob o comando do técnico Abel Braga, tem conseguido jogar no seu limite e vencer apresentando um bom futebol. Os últimos dois triunfos sobre Atlético Paranaense e Chapecoense foram prova disso.

Agora, o time tricolor precisa mostrar a sua força fora do Rio de Janeiro, onde venceu apenas uma vez - a vítima foi o Vitória, no estádio Barradão, em Salvador. Não só nesta quarta-feira. Depois de enfrentar o atual campeão da Copa Libertadores, o Fluminense tem quatro dos cinco próximos confrontos fora de casa antes da paralisação da competição para a disputa da Copa do Mundo.

O goleiro Julio César viu o lado positivo de a equipe não ter sido apontada como uma das favoritas à conquista do Brasileirão e destacou a boa campanha do time. "Nossa equipe externamente não era dada como uma equipe que pudesse brigar do meio para cima da tabela. Vejo pelo lado positivo. Quando não acreditam muito no trabalho, você pode demonstrar o contrário. E é o que temos feito", destacou.

Na preparação para o duelo em Porto Alegre, Abel Braga comandou as atividades, de trabalhos técnicos e táticos, fechadas para a imprensa. A principal dúvida é em relação à escalação do zagueiro e capitão Gum, que foi substituído do último jogo em razão de um desconforto na panturrilha. Se ele não puder jogar, Ibañez, recuperado de lesão, deve ser escalado.