• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Chiellini aceita pedido de desculpas de Luis Suárez

Esportes

Chiellini aceita pedido de desculpas de Luis Suárez

Turim - O zagueiro Giorgio Chiellini aceitou as desculpas de Luis Suárez pouco menos de uma hora depois de o uruguaio pedir perdão ao italiano, em carta publicada no Twitter nesta segunda-feira. "Está tudo esquecido. Espero que a Fifa reduza a sua punição", escreveu o defensor também através da rede social, em mensagem endereçada ao atacante uruguaio que o agrediu com uma mordida no último dia 24, em partida entre os países pela última rodada da fase de grupos da Copa do Mundo, em Natal.

O Comitê Disciplinar da Fifa analisou a imagem do lance e puniu Suárez com nove partidas de suspensão pela seleção uruguaia e quatro meses de qualquer atividade relacionada ao futebol. A sanção o impede até de treinar no Liverpool, clube defendido por ele. Segundo a entidade, o histórico problemático do atleta foi a razão do rigor na hora de formular a pena - foi a terceira vez que o uruguaio mordeu um rival em campo.

O incidente aconteceu no segundo tempo da partida vencida por 1 a 0 pelo Uruguai contra a Itália. Quando o jogo ainda estava empatado, Suárez se enroscou com Chiellini dentro da área e o mordeu no ombro esquerdo, mas o árbitro mexicano Marco Rodríguez não viu a agressão e por isso não expulsou o atacante.

Com a vitória, o Uruguai alcançou o segundo lugar do Grupo D e se classificou para as oitavas de final da Copa, enquanto que a Itália foi eliminada. Porém, a seleção sul-americana perdeu por 2 a 0 da Colômbia no último sábado, pelas oitavas de final, e deixou a competição. Suárez não pôde acompanhar a partida no Brasil porque a sua credencial da Copa foi cassada e ele teve de deixar a delegação de seu país.