Fred se pronuncia e afirma que o pênalti foi claro

Esportes

Fred se pronuncia e afirma que o pênalti foi claro

Teresópolis - Após não dar declarações depois da vitória do Brasil por 3 a 1 sobre a Croácia, na última quinta-feira, no Itaquerão, no jogo de abertura da Copa do Mundo, o atacante Fred enfim se pronunciou sobre o lance mais polêmico da partida - o pênalti marcado pelo japonês Yuichi Nishimura quando a partida estava empatada em 1 a 1. Através de vídeo divulgado pela CBF, Fred garantiu que sofreu a falta assinalada pelo árbitro, supostamente cometida pelo croata Lovren.

"Foi pênalti claro. Não existe mais pênalti ou menos pênalti. A Fifa mandou a comissão de arbitragem para orientar os jogadores, para que não existissem agarrões, que eles iam dar pênalti. Naquele lance, eu dominei a bola com a direita para girar pela esquerda, então sofri uma carga no ombro, perdi o alcance da bola. Me desequilibrou e eu caí", disse.

Fred negou que tenha simulado a falta e citou, inclusive, o gol que marcou no amistoso contra a Sérvia. De acordo com o atacante, naquela oportunidade, ele conseguiu dar sequência ao lance, ao contrário do que aconteceu na última quinta.

"Não sou jogador de ficar caindo. Contra a Sérvia, eu também sofri uma carga, me desequilibrei e fui para a bola e fiz o gol. Nesse jogo com a Croácia, recebi a carga que me impediu de fazer o gol. Eu estava dentro da área. Foi pênalti claro", afirmou o atacante. "Vi muita gente falando que não teve pênalti, mas eu sofri a carga e foi suficiente para me tirar a bola para evitar que eu fizesse o gol", completou.

Após a partida, os jogadores e a comissão técnica da Croácia reclamaram bastante da decisão do árbitro. O treinador Niko Kovac, inclusive, disse que a decisão foi "ridícula" e a classificou como um "circo". E essa reação irritou a seleção brasileira e a CBF, que entenderam ter sido desproporcional ao ocorrido.

Assim, a entidade decidiu se pronunciar sobre o incidente, dando a versão de Fred. A preocupação é de que os árbitros possam entrar em campos pressionados por esta suposta ajuda do Brasil, o que os levaria a prejudicar a seleção. O pronunciamento do atacante, então, teve a intenção de blindar a equipe.

Fred seguiu o mesmo tom ao afirmar que a polêmica não vai tirar a concentração da seleção na sequência da Copa. "Temos um grupo forte, estamos trabalhando forte, mas também sabemos que precisamos dar o máximo e ganhar no futebol. Nada vai abalar nosso ambiente, mudar nosso foco. Estão todos preparados. Não vamos tirar o brilho da nossa vitória, que foi muito merecida", comentou.

O atacante também aproveitou o vídeo para realizar uma avaliação sobre a atuação do Brasil diante da Croácia. Fred destacou o poder de reação da seleção para assegurar a vitória após ficar em desvantagem e também agradeceu o apoio dos torcedores brasileiros que foram ao Itaquerão.

"Foi um jogo muito difícil para gente, passamos por uma dificuldade que ainda não tínhamos passado, principalmente em uma competição, de sair atrás. Felizmente, deu tudo certo. O torcedor nos apoiou do início ao fim, mesmo nos momentos difíceis, quando saímos atrás. Todo mundo preocupado com vaia e só temos a agradecer ao torcedor de São Paulo, que nos apoiou do início ao fim e a gente soube reverter o placar", comentou.