Atlético-PR passa pelo Vasco em casa e mantém a liderança do Brasileirão

Esportes

Atlético-PR passa pelo Vasco em casa e mantém a liderança do Brasileirão

Redação Folha Vitória

Curitiba - O Atlético Paranaense conseguiu manter a liderança do Campeonato Brasileiro com mais uma vitória na Arena da Baixada, em Curitiba. O time rubro-negro não fez uma apresentação brilhante, mas jogou o suficiente para derrotar o Vasco por 2 a 0, na fria noite deste sábado na capital do Paraná. A equipe comandada pelo técnico Milton Mendes conseguiu controlar o jogo e mesmo errando muito, não chegou a ser ameaçado pelo rival carioca.

No primeiro tempo, o Atlético abusou dos passes errados, o que facilitou a marcação do Vasco, que entrou na Arena da Baixada com um esquema defensivo. O atacante Walter foi quem teve as melhores oportunidades e por duas vezes esteve perto de abrir o placar para os paranaenses.

Os gols saíram apenas no segundo tempo. O primeiro foi marcado por Nikão, aos 14 minutos, cobrando um pênalti sofrido por Gustavo. Depois disso, o time rubro-negro tentou administrar o resultado, mas recuou demais e permitiu que o Vasco pressionasse e criasse pelo menos três boas chances de empatar.

O segundo gol, marcado por Ytalo, saiu em um contra-ataque no último lance do jogo, depois que o Vasco partiu para o tudo ou nada no ataque.

O Atlético segue líder do Brasileirão agora com 15 pontos, dois a mais que o São Paulo. Já o Vasco segue sem vencer, na vice-lanterna, com apenas três. Na próxima rodada, o time paranaense enfrenta o Grêmio, em Porto Alegre, no domingo, dia 14. Os cariocas recebem o Cruzeiro, no estádio de São Januário, no Rio, um dia antes, no sábado.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-PR 2 x 0 VASCO

ATLÉTICO- PR - Weverton; Eduardo, Gustavo, Kadu e Natanael (Guilherme Aranda); Otávio, Hernani, Nikão e Giovani (Ytalo); Douglas Coutinho e Walter. Técnico: Milton Mendes.

VASCO - Charles; Madson, Luan, Rodrigo e Júlio Cesar (John Cley); Lucas, Serginho (Jackson Caucaia), Julio dos Santos (Riascos) e Emanuel Biancuchi; Rafael Silva e Thales. Técnico: Doriva.

GOLS - Nikão (pênalti), aos 14, e Ytalo, aos 46 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Weverton, Eduardo, Nikão e Walter (Atlético-PR); Lucas, Julio dos Santos e Emanuel Biancuchi (Vasco).

ÁRBITRO - Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP).

RENDA - 340.420,00.

PÚBLICO - 16.750 pagantes.

LOCAL - Arena da Baixada, em Curitiba (PR).