• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Fluminense vence a Ponte Preta no Maracanã e encosta no G4 do Brasileirão

Esportes

Fluminense vence a Ponte Preta no Maracanã e encosta no G4 do Brasileirão

Rio - Diante de um público inferior a oito mil pessoas no Maracanã, o Fluminense derrotou a Ponte Preta na noite desta quarta-feira, por 2 a 0, chegou aos 14 pontos e encostou no G4 do Brasileirão, assumindo a quinta posição. Os gols da vitória, que fechou a oitava rodada da competição, foram marcados no segundo tempo por Wellington Silva e Vinícius. Com a derrota, a equipe de Campinas estacionou nos 13 pontos e caiu para o oitavo lugar.

Apesar de estar desfalcado de sua dupla de zaga titular, o Fluminense contou com o retorno de Fred, que havia ficado de fora da última partida por conta de uma lesão na coxa. O atacante demonstrou disposição, voltou várias vezes para buscar o jogo e até mesmo apareceu na defesa para ajudar na marcação.

Muito de sua movimentação no primeiro tempo, porém, deveu-se pela falta de criação do time. Wagner e Jean tinham dificuldades na articulação e Gerson parecia travado. Assim, as poucas investidas do Fluminense no primeiro tempo vieram pelos lados do campo, principalmente na direita, com Wellington Silva.

A rigor, chance de gol mesmo só teve a Ponte Preta na etapa inicial. Aos 27, Borges recebeu dentro da área e chutou da pequena área, pela esquerda de ataque; Cavalieri, quase caído, salvou em grande defesa.

Já no segundo tempo a partida mudou. O Flu voltou com Marcos Júnior na vaga de Gerson e o time foi para o ataque. Com apenas 20 segundos, Giovanni bateu forte da entrada da área e a bola passou à esquerda. E, aos 10, Wellington Silva fez 1 a 0, pegando rebote de Marcelo Lomba após chute de Marcos Júnior.

A partir dos 15, foi a vez de a Ponte Preta ir ao ataque - mas sem afobação. Com boas trocas de passe, inversão de jogo e investidas conscientes, o time do interior de São Paulo passou a buscar espaços. O Fluminense recuou, passou a priorizar a defesa e a tentar matar o jogo no contragolpe.

Com o passar do tempo, porém, o ímpeto da Ponte diminuiu. Cansado, Renato Cajá cedeu lugar para Leandro, que entrou disposto mas pouco acrescentou ofensivamente. Com isso, o Fluminense passou a administrar a partida e tentou ataques esporádicos. Aos 41, Vinícius perdeu gol incrível. Mas, já aos 50, ele recebeu na entrada da área e chutou no ângulo direito de Marcelo Lomba, marcando um golaço para fechar o placar.

FICHA TÉCNICA:

FLUMINENSE 2 X 0 PONTE PRETA

FLUMINENSE - Diego Cavalieri; Wellington Silva, Henrique, Marlon (Victor Oliveira) e Giovanni; Edson, Jean, Gerson (Marcos Júnior), Wagner (Gustavo Scarpa) e Vinicius; Fred. Técnico - Enderson Moreira.

PONTE PRETA - Marcelo Lomba; Rodinei, Tiago Alves, Renato Chaves e Gilson; Josimar (Juninho), Fernando Bob e Renato Cajá (Leandro); Felipe Azevedo, Diego Oliveira e Borges (Roni). Técnico - Guto Ferreira.

GOLS - Wellington Silva, aos 10, e Vinícius, aos 50 do segundo tempo.

ÁRBITRO - Leandro Vuaden (RS).

CARTÃO AMARELO - Gerson e Marcos Júnior (Flu); Renato Chaves e Josimar (Ponte Preta).

RENDA - R$ 201.580,00.

PÚBLICO - 7.033 pagantes (7.954 total).

LOCAL - Estádio do Maracanã, no Rio (RJ).