Fred quer aproveitar Copa América para cavar uma vaga na Olimpíada

Esportes

Fred quer aproveitar Copa América para cavar uma vaga na Olimpíada

Dunga cancelou o treino desta quinta-feira, oficialmente para que os jogadores tenham maior tempo de descanso, pois pretende comandar um treino bastante intenso à tarde

Redação Folha Vitória
Foto: Estadão Conteúdo

Teresópolis - Fred deu a dica: para os jogadores jovens que estão no grupo da seleção brasileira, a Copa América é importante, mas também uma oportunidade de ouro de trabalhar com foco na Olimpíada do Rio, no próximo ano. A proximidade com o técnico Dunga, que também comandará o time olímpico, a chance de ganhar experiência e se integrar ao "espírito de seleção" podem fazer a diferença no momento da convocação para os Jogos.

O meia do Shakhtar Donetsk é um dos jogadores que largaram na frente na disputa por uma vaga no time olímpico. Ele e o ex-santista Felipe Anderson, que disputou a última temporada italiana pela Lazio, foram chamados por Dunga apenas para o período de treinos da seleção no País. Fred deu mais sorte ainda. Com a contusão e o corte de Luiz Gustavo, foi incorporado no grupo que participará da Copa América.

Isso, porém, não o faz perder o foco. "A Copa América é um campeonato importante. Para os jogadores da nova safra, estar aqui é muito bom. Temos as Olimpíadas no ano que vem, precisamos focar, amadurecer, escutar os mais velhos que têm experiência. No fim, pegar tudo, guardar e levar para as Olimpíada", disse o jogador em entrevista na Granja Comary, em Teresópolis.

Além de Fred e Felipe Anderson, há outros dois jogadores com idade olímpica no grupo atual da seleção brasileira: o zagueiro Marquinhos e o lateral-esquerdo Geferson. E na "turma" da Copa América, certamente estão os três jogadores com idades acima de 23 anos que estarão na Olimpíada. Neymar é um deles.

Inicialmente, Dunga entendia que não se devia "misturar as estações", ou seja, as seleções principal e olímpica deveriam trabalhar separadamente - embora o time sub-23 na temporada passada realizasse amistosos no mesmo período da equipe principal. Mas depois que Alexandre Gallo caiu do comando da equipe olímpica e Dunga assumiu também esse cargo, mudou de ideia.

A ordem agora é trabalhar o time olímpico, dentro do possível, ao mesmo tempo que o principal. O próprio coordenador de seleções, Gilmar Rinaldi, admite essa situação. "O nosso foco maior é já preparar jogadores para Olimpíada. E procuramos dar um equilíbrio. Por isso já estamos chamando atletas com idade olímpica. Queremos levar um time muito forte para a Olimpíada. Nesta convocação, em tese, temos já um núcleo. Queremos fazer o melhor caminho até lá", disse no início da semana.

Dunga cancelou o treino que estava marcado para a manhã desta quinta-feira, oficialmente para que os jogadores tenham maior tempo de descanso, pois pretende comandar um treino bastante intenso à tarde. Mas o presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, deverá comparecer na Granja Comary para falar com os atletas. A princípio seria um encontro rápido, no início da tarde, mas não está descartado que ele almoce com o grupo.