LeBron brilha, mas Curry leva a melhor e deixa Warriors a uma vitória do título

Esportes

LeBron brilha, mas Curry leva a melhor e deixa Warriors a uma vitória do título

Redação Folha Vitória

Oakland - LeBron James mais uma vez fez de tudo: pontuou, deu assistências e saiu de quadra com um "triple-double". Mas novamente o Golden State Warriors conseguiu superar a incrível atuação do astro e saiu com a vitória no jogo 5 das finais da NBA, no último domingo. Muito em função do não menos impressionante desempenho de Stephen Curry. O armador finalmente atuou como verdadeiro MVP (jogador mais valioso) na decisão e decretou o triunfo por 104 a 91, em Oakland.

Foram 37 pontos para o melhor jogador da temporada regular, que deixou de lado as atuações apagadas e pouco inspiradas para mostrar a qualidade que todos esperavam. Só não foi o cestinha porque LeBron James teve números ainda mais impressionantes e terminou com 40 pontos, 14 rebotes e 11 assistências, chegando ao segundo "triple-double" nesta série.

Só que a derrota deixou o Cavaliers em situação bastante complicada. Atrás por 3 a 2 na série melhor de sete, o time de Ohio precisa vencer o jogo 6, nesta terça-feira, em casa, para forçar a sétima partida, que aconteceria novamente em Oakland. Ao Warriors, basta uma vitória para confirmar o primeiro título desde 1975.

Como nas primeiras duas partidas da série, o jogo de domingo foi bastante equilibrado. O Warriors até começou melhor, novamente apostando em uma escalação mais baixa, com Draymond Green como pivô. O jogador, aliás, foi o grande destaque do início do jogo e terminou o primeiro quarto com dez pontos.

Mas logo o Cavaliers igualou as ações. Tirou Timofey Mozgov de quadra e, também com um time mais baixo, dificultou a vida do adversário. LeBron James já dava mostras de estar em dia inspirado e contou com alguns lampejos de J.R Smith para fazer o primeiro tempo terminar apenas com ligeira vantagem do Warriors: 51 a 50.

No terceiro período, LeBron precisou descansar um pouco e aí os donos da casa aproveitaram para abrir vantagem. Mas o confronto só seria decidido mesmo no último período, quando Curry brilhou de fato.

O armador arremessou de todas as formas, encontrou os espaços mais improváveis e anotou incríveis 17 pontos no quarto. Nove em bolas de três, sendo uma delas depois de fazer seu marcador, o australiano Matthew Dellavedova, tão efetivo nesta tarefa em outros momentos, "dançar" com seus dribles. LeBron também chamou o jogo para si e anotou 16 pontos no período, mas não foi o suficiente.

Isso porque Curry contou novamente com grande auxílio de seus companheiros. Mais agressivo, Draymond Green terminou com 16 pontos e nove rebotes. Andre Iguodala outra vez foi bem na marcação de LeBron e ainda apareceu no ataque para contribuir com 14 pontos. O brasileiros Leandrinho deixou o banco para fazer sua melhor partida na série, anotando 13 pontos.

Do outro lado, somente Tristan Thompson manteve-se regular durante toda a partida e terminou com 19 pontos e 10 rebotes. J.R. Smith marcou 14 pontos, mas todos eles no primeiro tempo. Iman Shumpert foi mal e terminou com somente 10 pontos.